Policial

Mulher é presa por suspeita de matar mãe de bombeiro com 14 facadas em Campina Grande

12/03/2020


Vítima do crime com seu filho.

Portal WSCOM

Policiais civis e militares conseguiram prender uma mulher suspeita de matar uma idosa na cidade de Campina Grande. O crime ocorreu na manhã dessa quarta-feira (11), e a prisão foi realizada na tarde desta quinta-feira (12).

A suspeita, que teve seu nome preservado pela Polícia, foi conduzida à Delegacia de Crimes Contra Pessoa de Campina Grande (DCCPES /CG).

A vítima tinha 81 anos e era mãe de bombeiro militar. Ela foi morta a golpes de faca, quando estava no interior de sua casa, no conjunto Rocha Cavalcante, em Campina Grande.

Segundo as investigações, o crime foi motivado por uma dívida de R$ 300. Em interrogatório prestado à Polícia, a suspeita admitiu que devia esse valor à idosa e que havia sido cobrada pela vítima no local de trabalho da devedora, onde houve uma discussão entre as duas. Essa cobrança ocorreu um dia antes do crime ser praticado.

Inconformada com a cobrança, segundo a Polícia Civil, a suspeita foi até a casa da idosa e desferiu os golpes. A vítima sofreu 14 perfurações produzidas por arma branca.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.