Brasil & Mundo

Efraim Filho, líder do DEM na Câmara, diz que Bolsonaro foi inconsequente ao ir a ato público neste domingo

15/03/2020


O líder do DEM na Câmara Federal, deputado federal Efraim Filho, soltou nota na noite deste domingo criticando o gesto do presidente Jair Bolsonaro de ir a ato público deixando ele e Pessoas vulneráveis ao coronavirus.

Ele chamou o presidente de inconsequente.

Inicialmente , ele observou que “manifestações são legítimas e a liberdade de expressão deve ser preservada, mas o momento exige responsabilidade”.

E destacou:

– O presidente fez um gesto inconsequente, tanto pelo ato em si como pelo que ele representa.

Para Efraim Filho, “ele se pôs em risco, pôs o público em risco e transmitiu uma mensagem equivocada para todo o Brasil. Precisamos de razão, serenidade, disciplina e equilíbrio”.

E concluiu:

– Enfrentar a epidemia mundial de coronavírus é um desafio de todos. Infelizmente não há nada que possamos fazer, Bolsonaro é senhor de si e de seus atos, concluiu.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.