Futebol

Zenit reage, mas Borussia Dortmund deixa a Rússia com grande vantagem

Liga dos Campões


25/02/2014

O Zenit foi o primeiro time mandante a marcar nas oitavas de final da Liga dos Campeões. Mas o gol pouco serviu, pois o Borussia Dortmund manteve a sina dos visitantes, deixando São Petersburgo com uma vitória por 4 a 2.

A boa vantagem da equipe alemã já havia sido construída com menos de 10 minutos de partida. Antes mesmo do Zenit acordar para o jogo, o Dortmund já vencia por 2 a 0, gols de Mkhitaryan e Reus.

O fato de ter ficado dois meses sem jogar uma partida oficial parecia estar pesando para a equipe russa. Afinal, enquanto o Borussia Dortmund voava em campo, o Zenit ainda parecia estar no vestiário.

O Zenit demonstrava enorme dificuldade em ir para o ataque. Hulk, o melhor da equipe, tentava sozinho e foi o único da conseguir dar um chute a gol no primeiro tempo.

A partida, que seguia em ritmo modorrento, ganhou uma nova velocidade no segundo tempo. O Zenit parecia que tinha tomado uma poção mágica no intervalo, e descontou logo aos 12 minutos com Shatov.

A reação fez o Borussia Dortmund acordar. Na subida seguinte dos alemães ao ataque, Lewandowski completou o cruzamento de Piszczek e marcou o terceiro.

O Zenit, porém, seguia na luta para diminuir o prejuízo. Fayzulin entrou na área aos trancos e barrancos, foi derrubado e o árbitro marcou pênalti. Hulk mandou uma cacetada na cobrança e desconteu. O brasileiro marcou em sua partida de número 400 como profissional.

Mas o Borussia Dortmund não estava a fim de deixar a Rússia sem uma confortável vantagem. A defesa do Zenit mais uma vez foi pega desorganizada. Reus roubou de Tymoshchuk e tocou para Lewandowski fazer o quarto gol.

FICHA TÉCNICA:

ZENIT 2 X 4 BORUSSIA DORTMUND
Estádio: Petrovsky, São Petersburgo (RUS)
Data/hora: 25/2/2014 – 14h (de Brasília)
Árbitro: William Collum (ESC)
Auxiliares: Martin Cryans (ESC) e William Conquer (ESC)
Cartões amarelos: Anyukov (ZEN); Piszczek (DOR)
Cartões vermelhos: Não houve
GOLS: Mkhitaryan 4’/1ºT (0-1), Reus 5’/1ºT (0-2), Shatov 12’/2ºT (1-2), Lewandowski 16’/2ºT (1-3), Hulk 24’/2ºT (2-3), Lewandowski 25’/2ºT (2-4)
ZENIT: Lodygin, Criscito, Lombaerts, Luis Neto e Anyukov (Smolnikov 38’/2ºT); Shatov, Fayzulin (Kerzhakov 38’/2ºT) e Witsel; Hulk, Arshavin (Tymoshchuk 15’/1ºT) e Rondón. Técnico: Luciano Spaletti.
BORUSSIA DORTMUND: Weidenfeller, Friedrich, Papastathopoulos, Piszczek e Schmelzer; Kehl, Reus (Hofmann 39’/2ºT), Sahin, Grosskreutz (Durm 45’/2ºT) e Mkhitaryan (Aubameyang 25’/2ºT); Lewandowski. Técnico: Jürgen Klopp.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.