Política

Walter Santos: partidos e líderes já dispõem de candidatos a prefeito em João Pessoa; aguardam Azevêdo

28/06/2020


Jornalista Walter Santos (Portal WSCOM)

Sucessão 2020: em João Pessoa, líderes e partidos se movimentam ainda aguardando passos do governador

 

Depois de sacramentada a decisão do TSE de realização das eleições este ano ajustando as datas de primeiro e segundo turnos para novembro e dezembro é perceptível às ações diversas de candidatos a prefeito, sobretudo, na Capital do Estado com a impressão de estarem aguardando a posição a ser tomada pelo governador João Azevêdo e o partido Cidadania.

 

Sem dúvidas, a decisão governamental tem força no processo, por isso ao demorar na definição tudo fica meio travado, embora a sucessão já movimente 11 nomes citados como candidatos.

 

A dados de hoje, o prefeito Luciano Cartaxo está para escolher pelo PV um nome entre quatro (Diego Tavares, Daniela Bandeira, Enilma e Socorro Gadelha), o ex-governador Ricardo Coutinho optou pela esposa Amanda como nome do PSB, o PT uniu todas as tendências em torno de Anísio Maia, e o Cidadania até ensaiou Bruno Farias entretanto estacionou.

 

É preciso ressaltar movimentos fortes do deputado federal Ruy Carneiro pelo PSDB, da mesma forma do ex-prefeito Cícero Lucena pelo Partido Progressista movimentando os bastidores do processo.

 

Só que as articulações envolvem mais nomes, a exemplo do comunicador Nilvan Ferreira e sua margem popular no MDB, bem como Raoni Mendes buscando espaços a partir de setores de classe média e até religiosos pelo DEM, da mesma forma que deputado Walber Wirgolino buscando se credenciar pelo segmento bolsonarista.

 

Ultimamente, como provam os fatos registrados na Câmara Municipal, o vereador João Almeida tomou gosto e anda se articulando como candidato do Solidariedade, daí estar se afinando com o presidente Manoel Junior visando gerar campanha propositiva e estrutural.

 

Há ainda o PSOL decidindo-se também a participar do debate sobre o futuro da cidade.

 

HAJA PESQUISAS

 

Todos os partidos envolvidos, ou seja, as campanhas dos candidatos já se movimentam para produção de pesquisas visando instruir conceitos e avaliar nomes nesta e nas demais fases.

 

Muito em breve, vamos conviver com números importantes na definição do processo.

 

O fato é que a sensação de processo aberto diante dos últimos fatos e personagens.

Maurilio de Almeida

Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.