Política

Waldson Souza fecha delação e inicia depoimentos na sede da Polícia Federal

25/01/2020


O ex-secretário do Estado Waldson Souza

Portal WSCOM

O ex-secretário de Saúde da Paraíba Waldson Souza fechou acordo de delação com o Ministério Público da Paraíba (MPPB), através da força tarefa da Operação Calvário, e já iniciou os depoimentos. A informação foi publicada pela Revista Crusoé neste sábado (25).

Segundo a publicação, Waldson esteve na sede a Superintendência da Polícia Federal na última quinta-feira (23) para iniciar os depoimentos.

O Ministério Público apontou que o ex-secretário é um dos integrantes de uma organização criminosa que teria desviado recursos da saúde e educação na gestão do ex-governador Ricardo Coutinho.

A Operação Calvário

A Operação Calvário foi desencadeada no dia 14 de dezembro de 2018 para investigar núcleos de uma organização criminosa, gerida por Daniel Gomes da Silva, que se valeu da Cruz Vermelha Brasil – filial do Rio Grande do Sul (CVB/RS) e do Ipcep como instrumentos para a operacionalização de um esquema de propina no Estado da Paraíba. A organização seria responsável por desvio de recursos públicos, corrupção, lavagem de dinheiro e peculato, através de contratos firmados junto a unidades de saúde do Estado, que chegaram a R$ 1,1 bilhão.


Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.