Paraíba

VÍDEO: Secretário de Saúde justifica ‘demora’ no resultado de exames e confirma quatro mortes suspeitas de coronavírus na PB

Ainda segundo Geraldo, nos quatro casos de óbito, sendo duas em João Pessoa, uma em Patos e uma em Monteiro, amostras foram coletadas e enviadas para o Instituto Evandro Chagas, em Belém do Pará.

23/03/2020


Secretário Geraldo Medeiros, em entrevista (Reprodução)

Redação / Portal WSCOM

O secretário de Estado da Saúde (SES), Geraldo Medeiros, confirmou, durante entrevista na manhã desta segunda-feira (23), que a Paraíba tem quatro mortes suspeitas provocadas por infecção do novo Coronavírus (Covid-19). Segundo ele, devido a nova fase na efetivação do plano de contingência e enfrentamento da doença, que entrou na fase de mitigação, qualquer paciente que apresente sintomas e entrem em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede de saúde será considerado suspeito.

“Qualquer paciente que entrar em uma UTI do Estado e for portado de uma síndrome respiratória aguda grave, será coletado o material no sentido de afastar ou não o diagnóstico de coronavírus”, disse o secretário.

Ainda segundo Geraldo Medeiros, quatro óbitos registrados nos últimos dias no Estado, estão sob investigação por suspeita de contaminação do coronavírus. Os casos foram registrados em João Pessoa, Monteiro e Patos. As amostras foram coletadas e o Governo aguarda a liberação dos resultados pelo Instituto Evandro Chagas, unidade referência para esse tipo de exame no Norte e Nordeste.

2º CASO CONFIRMADO

Sobre o segundo caso de contaminação por coronavírus confirmado na Paraíba, o secretário afirmou que o paciente é natural do município de Igaracy, que retornou nos últimos dias de São Paulo, procurou a rede pública de saúde se queixando de sintomas, especificamente o Hospital Regional de Aguiar, onde foi realizada a coleta de exames. “O paciente está de quarentena, em Igaracy, segue evoluindo bem, dentro dos 80% dos casos que evoluem em sua recuperação, como uma gripe comum”, explicou.

DEMORA NOS EXAMES

Ainda de acordo com o secretário, o Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual da Saúde, está preparado para enfrentar o inimigo considerado número um da sociedade, que é o coronavírus. Sobre as reclamações na demora dos resultados de exames, ele afirmou que, em breve, o problema será solucionado com a chegada do material de coleta no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB).

“É uma determinação do Ministério da Saúde, nem todo laboratório poderá ser contemplado com exames do Coronavírus, então a referência para o Norte e Nordeste é o Instituto Evandro Chagas, em Belém-PA. Como nas últimas semanas houve uma acentuação no número de casos, o Laboratório está demorando mais a retornar com os resultados, aproximadamente de sete a 10 dias. Na próxima semana, realizando aqui no Lacen, esse problema será certamente dissipado”, concluiu.

Assista na íntegra:


Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.