Paraíba

TJPB inicia julgamento de denunciados na “Operação Squadre” nesta segunda

Fórum Criminal

03/06/2013


O Juízo da 7ª Vara Criminal da Capital deu início na manhã desta segunda-feira (3) a Audiência de Instrução e Julgamento dos denunciados na “Operação Squadre”, realizada pela Polícia Federal e Ministério Público Estadual. Hoje estão sendo ouvidas as testemunhas de acusação, um total de 10 pessoas e, em seguida, serão ouvidas 42 testemunhas de defesa arroladas no processo. A audiência esta sendo presidida pela juíza Lua Yamaoka Mariz Maia e pelo juiz Geraldo Emílio Porto, no Fórum Criminal da Capital.

Nessa primeira fase serão ouvidas as testemunhas de acusação e defesa, em seguida os 38 réus, dos quais dez deles encontram-se presos, além de 28 denunciados nesse processo. A audiência de hoje é relativa a 13 réus, sendo que três deles serão ouvidos por videoconferência, por se encontrarem no Presídio Federal de Catanduvas (PR).

Os acusados, segundo a denúncia apresentada pela Polícia Federal e Ministério Público, é de formação de quadrilha, porte e comércio ilegal de armas e munições, corrupção passiva, constituição de milícia privada, lavagem de dinheiro, dentre outros delitos tipificados para cada um dos réus apresentados na denúncia.

A abertura da audiência foi marcada pela leitura da denúncia e em seguida foi convocada a primeira testemunha arrolada no processo, o Deputado Federal Luiz Albuquerque Couto (PT), que foi interrogado pelos promotores. A Audiência de Instrução e Julgamento segue na 7ª Vara Criminal da Capital com previsão de ser finalizada até o final desta semana.

Encerrada a fase de instrução, o processo segue o curso normal, sendo encaminhado para as diligências, alegações finais e sentença.

Banner Portugal

Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.