Policial

Tiago Fontes pesquisou sobre decomposição de corpos após desaparecimento de Ana Sophia; novas buscas são feitas


14/11/2023

Portal WSCOM



Investigadores que trabalharam no caso do desaparecimento de Ana Sophia, de 8 anos, em Bananeiras, revelaram nesta terça-feira (14) que Tiago Fontes realizou buscas na internet sobre decomposição de corpos. Ele é o principal suspeito do crime e cometeu suicídio.

Tiago ainda teria ido trabalhar no dia seguinte levando o corpo da vítima em seu veículo.  O delegado Adrovilli Grisi apresentou uma cronologia das pesquisas feitas por Tiago Fontes na internet. Segundo Grisi, em 5 de julho, um dia após o desaparecimento da menina, Tiago pesquisou sobre a decomposição do corpo após a morte. Essa pesquisa foi realizada em um celular que ele havia escondido na casa do pai, por volta das 4 horas da madrugada, enquanto estava no trabalho como porteiro.

Em 6 de julho, Tiago pesquisou sobre o caso da criança Júlia, na Praia do Sol, encontrada morta em um poço após abuso sexual pelo padrasto. Neste mesmo dia, quando a perícia esteve em sua residência, Tiago pesquisou sobre quanto tempo um fio de cabelo perde a capacidade de preservar a identidade.

O tenente-coronel Paiva Neto, comandante regional do 4º distrito do Corpo de Bombeiros Militar, apontou que a investigação vai estabelecer um raio de atuação para realizar uma busca minuciosa na área onde ele foi encontrado para determinar se neste local, onde cometeu suicídio, ele também enterrou o corpo de Ana Sophia.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.