Brasil & Mundo

Sem vacina e sem controle, Brasil se aproxima dos 200 mil mortos por Covid-19

Número de óbitos chegou a 189.264 óbitos desde o começo da pandemia, aproximando-se dos 200 mil.

24/12/2020


Brasil 247

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia do coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta quarta-feira (23), quando foram registradas 979 mortes pela Covid-19 nas últimas 24h.

O número de óbitos chegou a 189.264 desde o começo da pandemia, aproximando-se dos 200 mil. O número de óbitos registrados em um dia é o maior desde 15 de setembro, quando o país teve 1.090 mortes pela doença.

Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 777 – valor mais alto desde 17 de setembro -, quando foi registrada média de 779 mortes. A variação foi de +21% em comparação à média de 14 dias atrás, indicando tendência de alta nos óbitos pela doença, informa o G1.

Desde o começo da pandemia, 7.366.677 brasileiros já foram infectados. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 46.283 novos diagnósticos por dia, o maior valor desde o começo do consórcio.

Apresentaram alta na média móvel de mortes 15 estados: PR, RS, ES, MG, SP, MS, MT, AC, AM, AP, PA, RO, AL, RN e SE.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.