Economia & Negócios

Sebrae Paraíba participa de reuniões no RN buscando articular parcerias para projeto de aquicultura

Trabalho técnico e de legislações foram temas abordados durante os encontros

07/02/2020


O Sebrae Paraíba participou, nesta quinta-feira (6), de duas reuniões importantes para o sucesso do projeto de aquicultura desenvolvido em conjunto com o Sebrae Rio Grande do Norte, com apoio do Sebrae Nacional e parceria da Fundação Banco do Brasil (FBB). Os encontros foram realizados com o núcleo diretor da Vigilância Sanitária do Rio Grande do Norte e com o subsecretário de Pesca daquele estado. Também ficou agendada uma reunião para o dia 10 de março, que contará com a presença da diretoria técnica das duas instituições, representantes do Sebrae Nacional, da FBB e da superintendência do Banco do Brasil do Rio Grande do Norte e da Paraíba.

De acordo com o analista técnico do Sebrae Paraíba, Jucieux Palmeira, a reunião na vigilância sanitária ocorreu para conhecimento do processo de trabalho do órgão em relação às legislações. “Entendemos de que forma eles estão trabalhando, o que servirá para comparar com o local e tornar menos burocráticas as ações”, afirmou. Já no tocante ao encontro com o subsecretário de Pesca do Rio Grande do Norte, o analista informou que foram discutidas iniciativas relacionadas à produtividade e mercado.

“Verificamos como eles estão apoiando as ações de piscicultura, que têm sido feita de uma forma bastante dinâmica naquele estado. É um trabalho bastante técnico e interessante. Além disso, também tratamos sobre como será trabalhado o projeto, de modo a tornar menos oneroso para os produtores”, frisou Jucieux Palmeira.

Já a reunião marcada para o dia 10 de março, terá, também, a presença de seis consultores técnicos do setor de aquicultura, além de gerentes de unidades de desenvolvimento de políticas públicas e agronegócios dos dois Sebraes. “Estamos articulando a vinda do secretário nacional da Pesca e queremos, com esse encontro, unificar as ações de aquicultura dos dois estados, além de mostrar o trabalho desenvolvido no projeto”, comentou o analista.

 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.