Política

Saúde de João Pessoa e médicos se reúnem para evitar paralisação de serviços em Unidades


22/07/2021

Fábio Rocha, secretário de Saúde de João Pessoa. (Imagem: Reprodução)

Portal WSCOM



A diretoria do Conselho Regional de Medicina do Estado da Paraíba (CRM-PB) reuniu-se na noite de ontem (21) com o secretário de saúde de João Pessoa, Fábio Rocha e, posteriormente, com representantes dos Médicos residentes em Medicina da Saúde da Família e Comunidade  com o intuito de encontrar soluções para a paralisação dos serviços dos médicos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), prevista para iniciar nesta quinta (22).

Os médicos residentes enviaram ao CRM-PB, SMS e outras entidades um documento com mais de 160 páginas solicitando melhorias estruturais e de funcionamento das UBS de João Pessoa. No dossiê, há diversas fotografias mostrando problemas de infraestrutura, como mofo e infiltrações; falta de medicações e insumos; falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e álcool 70%; falta de segurança patrimonial colocando em risco a integridade física de profissionais e usuários; ausência de higienização em algumas unidades, que não contam com profissionais de serviços gerais, dentre outras inconformidades.

O médicos residentes e o secretário municipal de saúde da Capital se reúnem nesta quinta-feira (22) na Secretaria Municipal de Saúde.

“Todos os pontos indicados pelos médicos residentes são pertinentes e importantes e precisam ser corrigidos. A Secretaria Municipal de Saúde já informou que vai avaliar e fazer as correções necessárias. Nosso objetivo é que os problemas sejam resolvidos e que não haja interrupção dos atendimentos para que a população não seja prejudicada”, afirmou o presidente do CRM-PB, João Modesto Filho.

Nas reuniões realizadas nesta quarta (21) com o secretário municipal de saúde e com os residentes Felipe Cândido de Castro e Arthur Vizzotto Rolim, representaram o CRM-PB, o presidente João Modesto Filho, a segunda vice-presidente Débora Cavalcanti, o diretor de fiscalização Bruno Leandro de Sousa, o corregedor Klecius Leite, a secretária Luciana Trindade e o segundo secretário Walter Azevedo.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.