menu

Música

05/03/2013


Rita Benneditto homenageia as mulheres

Novidades

 O Governo do Estado da Paraíba em parceria com a Prefeitura Municipal de Campina Grande, através da Secretaria de Cultura – Teatro Municipal Severino Cabral estará realizando em Campina Grande, neste dia 8 de março, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, um show com a cantora Rita Benneditto.

O show Tecnomacumba, resultado de uma intervenção cultural, nasceu em apresentações em uma casa na zona sul carioca e virou um fenômeno, levando a cantora a ganhar, em 2005 o Prêmio Rival Petrobras de Música na categoria Melhor Show.

Antes de Rita Benneditto subir ao palco do municipal, estarão abrilhantando a comemoração às cantoras paraibanas Roberta Silvana, Kátia Virgínia, Gitana Pimentel, Érica Maria e Sandra Belê, Cada uma irá cantar três músicas homenageando as mulheres. O evento tem entrada gratuita e está previsto para começar às 20h. Os ingressos devem ser adquiridos a partir das 19h na bilheteria do Teatro.

Também são parceiros do evento a Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana, Secretaria de Estado da Cultura, Secretaria de Estado da Comunicação Institucional, Fundação Espaço Cultural e Casa Civil do Governador.

O PROJETO TECNOMACUMBA

Desde sua estreia fonográfica, há nove anos, a cantora maranhense Rita Ribeiro mostrava seu apego à musicalidade reverente às tradições religiosas afro-brasileiras. Já no primeiro disco, ela readaptou Jurema, ponto de umbanda, com destaque. Ali já havia o embrião do projeto Tecnomacumba, que viria a tomar corpo quando Rita montou um show exclusivamente com músicas com temática fincada na religiosidade vinda do candomblé e da umbanda, incluindo citações a pontos tradicionais, próprios dos terreiros. O show virou sucesso de público e de crítica.

Ao repertório escolhido, com composições de Caetano Veloso, Gilberto Gil, Jorge Benjor, Dorival Caymmi, Wilson Moreira, entre outros, Rita Ribeiro buscou citações tiradas em pontos de terreiro. O resultado garante uma riqueza ainda maior ao simples fato de transpor para a música eletrônica as batidas.