Música

Rieg comemora 10 anos com single e videoclipe de “Rocket Of Love”

16/11/2020


Rieg por Marcelo Rodrigues

Portal WSCOM

Formado em 2010 na capital paraibana pelo norte-americano e alemão Riegulate (voz/sampler/synth/guitarra) e pelo brasileiro Big Jesi (baixo/sampler), o duo de trip-hop Rieg lançou seu disco de estreia com exclusividade pela Rolling Stone Brasil, o enigmático álbum visual “12:00” – veja aqui. Agora, completando 10 anos de atividade, a banda disponibiliza nesta quinta (19) o single “Rocket Of Love” nas principais plataformas digitais de música – faça o pré-save aqui – e lança um videoclipe em animação incrível, que estreia ao meio-dia no Youtube – ative o lembrete aqui. Isso ocorre enquanto o duo finaliza sua próxima obra multimídia, o álbum game “Nomad Soul”.

 

Sempre apontado como um dos nomes mais criativos e interessantes da atual cena musical paraibana, a Rieg carrega no currículo críticas positivas de mídias relevantes como Rolling Stone, Popload, TMDQA e Noize, além de shows por todo o Brasil como nos festivais Mada (RN), SIM São Paulo, Picnik (DF), Grito Rock, Dia da Música (SP), Febre (SP), Festival Mundo (PB) e Transpira (PI). O duo possui uma discografia composta por dezenas de EPs, singles, videoclipes e um álbum conceitual, em que explora narrativas, sonoridades e estéticas retrofuturistas.

 

Capa do single Rocket Of Love da banda Rieg

 

Rocket Of Love

O líder da banda Riegulate fala que o single foi “inspirado pelos grooves do funk espacial dos anos 80, mergulhado em molho especial de amor ciberfuturístico. A síntese desta mistura de nostalgia e dança é essa canção, viciada nos altos e baixos dos relacionamentos e do amor.”

 

O videoclipe em animação é fruto do trabalho da produtora audiovisual paraibana Estúdio 407, responsável por todo o processo, desde roteiro, direção, produção, animação e edição do filme. Foram utilizadas diferentes técnicas, como a animação 2D tradicional, a rotoscopia, e a animação 3D através de efeitos gráficos e contornos neon, tudo foi feito com um software open source chamado Blender, ao longo de três meses.

 

“Tivemos a ideia de fazer um clipe de animação, que é um segmento que estamos estudando e trabalhando bastante nos últimos meses. Por ser uma canção muito dançante, chamamos o talentoso coreógrafo Jairo Sva para criar algo diretamente de casa e fizemos tudo à distância”, disse Gi Ismael, roteirista e produtora do Estúdio 407.

“Rocket Of Love” pelo Estúdio 407

 

“Fizemos uma leitura da coreografia criada por Jairo, que é muito rica e sugestiva, e sentimos que existia uma narrativa por trás. Isso foi expandido para abraçar o significado da música, fazendo assim uma interação entre canção, animação e a dança. Para mim, a arte é polissemia pura: quanto mais sentidos você colocar, mais você a enriquece. Pensando na letra da música de ‘estar viciado em altos e baixos’, logo em seguida é possível ver o mesmo personagem destruindo as árvores que criou e tornando-se uma figura diabólica. É a dualidade, os extremos humanos, o lado criativo versus o lado destrutivo”, disse Yuri da Costa, diretor, co-roteirista e animador do clipe.

 


Riegulate e Big Jesi por Marcelo Rodrigues

 

10 anos de carreira

Sobre a primeira década de atividades da banda, o duo – que já foi trio e quarteto – conta que a essência sempre foi a experimentação, desde as primeiras demos caseiras, vivências em vários estúdios, parcerias com muitos profissionais diferentes e turnês pelo país, o que trouxe um amadurecimento musical, técnico e audiovisual, mas sempre mantendo vivo seu lado lúdico, experimentando sem medo errar.

 

Já sobre as mudanças no cenário musical nos últimos dez anos, a dupla de produtores musicais fala que quando a banda começou a cena de indie rock nacional era muito forte e eles já exploravam samplers, sintetizadores e beats que ainda causavam certa estranheza, algo que mudou bastante nos últimos anos em diversos estilos que agora também se utilizam de recursos eletrônicos. Hoje como duo, a banda abraçou ainda mais as possibilidades trazidas pelas facilidades tecnológicas, apesar de garantirem que não perderam a sua alma baseada também nos sons orgânicos e de certa forma do Rock.

 

Para o futuro, a banda espera ter uma frequência maior de lançamentos e continuar inovando, experimentando e evoluindo, como faz agora com sua próxima obra multimídia “Nomad Soul” que mistura música e games em um conceito inovador de “álbum game”.

 


Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.