Educação

Prêmio para mulheres na ciência está com inscrições abertas até dia 22  

Candidatas podem receber bolsa de R$50 mil reais 

19/05/2020


Imagem meramente ilustrativa

O programa “Para mulheres na Ciência” para pesquisadoras nas áreas de Ciências da Vida, Ciências Físicas, Matemática e Química está com inscrições abertas até o dia 22 de maio. São oferecidas bolsas de R$50 mil reais para sete (7) selecionadas e o valor deverá ser destinado para o trabalho acadêmico desenvolvido pelas contempladas. Criada em 2006, a premiação está em sua 15ª edição. O objetivo é promover a transformação do ambiente científico e favorecer a igualdade de gêneros no cenário científico brasileiro. 

As inscrições podem ser realizadas até o dia 22 de maio através de formulário on-line. As candidatas devem preencher os dados e incluir os documentos no formulário de Inscrições, disponível no site www.paramulheresnaciencia.com.br 

-    Mini Resumo e Importância prática e/ou teórica do Projeto de Pesquisa; 

-    Declaração de concordância da(s) instituição(ões) nacional(is), onde a pesquisa será desenvolvida (documentos digitalizados e anexados eletronicamente, em um único arquivo em formato PDF); 

-    Projeto de Pesquisa, incluindo referências bibliográficas (máximo de quatro páginas em formato A4, espaço duplo, fonte Times New Roman, corpo 12, anexado eletronicamente em um único arquivo em formato PDF). 

Cada candidata poderá se inscrever apenas uma vez por edição, apresentando um único Projeto de Pesquisa. As pesquisadoras selecionadas deverão desenvolver seus Projetos de Pesquisa no Brasil, durante o período de vigência da Bolsa-Auxílio (12 meses). 

 

Prêmio para mulheres na ciência – Critérios participação e seleção  

 

A premiação exige que as candidatas cumpram alguns critérios de elegibilidade no programa. Caso algumas das exigências não sejam cumpridas, a candidatura não será considerada. Confira abaixo os critérios estabelecidos:  

–    Ter concluído o doutorado a partir de 01/01/2013. 

-    Propor realizar pesquisa em instituição brasileira adequada ao desenvolvimento do projeto submetido. 

-    Estar conduzindo pesquisa nas áreas de Ciências da Vida, Ciências Físicas, Matemática ou Química. 

-    Ter “curriculum vitae” atualizado na Plataforma Lattes. 

A seleção das candidatas vencedoras será feita por um júri composto por membros da Academia Brasileira de Ciências (ABC), além de um representante da empresa L’oréal e outro da Unesco. Entre os critérios de seleção estão a qualidade e impacto do projeto e do trabalho anteriormente desenvolvido pela candidata. Poderão também ser ponderadas outras características, como a independência e potencialidade da candidata frente ao sucesso do projeto. 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.