Policial

Polícia prende grupo suspeito de furtar placas eletrônicas avaliadas em US$ 1.000


10/03/2024

Portal WSCOM



A Polícia Civil da Paraíba, através da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (DCCPAT), prende em flagrante um grupo criminoso especializado em furtar placas eletrônicas de máquinas caças-níqueis  legalizadas, avaliadas no valor de US$ 1.000 (mil dólares) cada uma.

No final da tarde da sexta-feira (8), os investigadores da DCCPAT prenderam em flagrante delito três jovens, cada um com 21 anos, e um adolescente de 17 anos, no bairro de Mandacaru, nesta, pela prática do crime de furto qualificado e pelo emprego de chave falsa e concurso de pessoas.

O referido grupo criminoso já estava sendo investigado pela Polícia Civil em virtude de vários furtos ocorridos em algumas cidades paraibanas como: Patos, Santa Luzia,  Santa Rita,  Bayeux e João Pessoa. Os delitos vinham sendo registrados desde o mês de janeiro deste ano, onde foram subtraídos 16 placas eletrônicas de máquinas caça-níqueis legalizadas, cujo o valor da unidade, gira em torno de US$ 1.000 (mil dólares), totalizando um prejuízo para a empresa de R$ 80.000.00 (oitenta mil reais).

As últimas ações criminosas do grupo foram feitas na última quarta-feira (6), em Patos e Santa Luzia nesta sexta-feira no bairro dos Ipês, na Capital.

No momento da prisão suspeitos  e da apreensão do menor  foi encontrado parte do material furtado. Os produtos eletrônicos estavam  no interior da residência de um deles, no bairro de Mandacaru, em João Pessoa. Essas máquinas caça-níqueis estão devidamente legalizadas, com parte da arrecadação convertida aos cofres do Estado.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //