menu

Policial

23/02/2013


PM apreende 60 caça-níqueis em CG

Policiais do 2º Batalhão de Polícia Militar apreenderam 60 máquinas caça-níqueis, nessa sexta-feira (22), durante operação realizada para combater a exploração dos jogos de azar na cidade de Campina Grande. As apreensões aconteceram em três bairros, onde existiam pontos de jogos que vinham sendo investigados pelo serviço de inteligência do 2º BPM. Uma das casas fechadas possuía até câmeras de monitoramento.

De acordo com o comandante do 2º BPM, tenente coronel Souza Neto, a operação foi deflagrada após um levantamento detalhado do Serviço de Inteligência, que descobriu os locais e horários de funcionamento das casas.

O primeiro ponto de jogos que foi fechado ficava ao lado de um mercadinho, no bairro da Palmeira. O proprietário do comércio foi conduzido até a delegacia para prestar depoimento, pois seria dele o imóvel que funcionava como ‘casa de jogos’. Segundo a polícia, o ponto estava alugado a um rapaz que não foi encontrado no local. A segunda apreensão foi realizada no Centro, onde as atividades eram realizadas em um prédio comercial, em uma das ruas mais movimentadas. Ao perceber a presença da polícia, o proprietário fugiu.

A maior apreensão aconteceu no bairro do Tambor, onde 30 máquinas funcionavam para a exploração dos jogos. As atividades aconteciam dentro de uma casa cercada por quatro câmeras de segurança que identificavam a presença de policiais e monitorava a entrada de clientes. Por causa disso, quando os policiais chegaram não havia ninguém na residência.

Todo o material apreendido durante a operação foi levado para a Central de Polícia de Campina Grande. A exploração do jogo de azar em lugar acessível ao público é uma contravenção penal que prevê prisão simples ou multa.