menu

Policial

22/02/2013


PF investiga assassinatos de indígenas

investigações

Cerca de 40 policiais federais participaram, na manhã desta, 22, do cumprimento de cinco mandados de busca e apreensão na Reserva Indígena Potiguara, localizada nos municípios de Rio Tinto, Marcação e Baía da Traição, litoral norte da Paraíba, com o objetivo de coletar elementos probatórios que possam auxiliar na instrução do inquérito policial que apura o homicídio dos silvícolas Claudemir Ferreira da Silva e Geusivã Silva de Lima, ocorrido no dia 31 de julho do ano passado.

Na ocasião, as vítimas se encontravam na praça da reserva indígena quando foram alvejadas por dois homens em uma moto preta, com adesivo amarelo.

O silvícola Claudemir Ferreira da Silva morreu no local e o cacique Geusivã Silva de Lima chegou a ser socorrido, mas faleceu alguns dias depois. Testemunhas imputaram a autoria do delito a ROBSON SANTOS DA SILVA, conhecido como ”ROBINHO”. Após o atentado contra os indígenas potiguaras, o suposto autor dos disparos foi preso por outros motivos.

Dando continuidade à apuração do crime e com o objetivo de viabilizar a punição dos envolvidos, outras diligências serão empreendidas nos próximos meses.