Policial

Pastor da Assembleia de Deus é preso em João Pessoa por venda de iPhones roubados

O delegado Braz Morroni, responsável pela investigação, informou que o religioso confessou o crime de receptação e venda de produtos roubados.


20/02/2024

Central de Polícia de João Pessoa (Foto: Divulgação)

Portal WSCOM



Na tarde desta terça-feira (20), a Polícia Civil prendeu um pastor da Assembleia de Deus em João Pessoa, sob suspeita de vender celulares do modelo iPhone, da marca Apple, roubados. Após a prisão, o religioso, identificado como Kleyfeson Lopes, foi conduzido à Central de Polícia.

O delegado Braz Morroni, responsável pela investigação, informou que o religioso confessou o crime de receptação e venda de produtos roubados.

Ainda segundo Morroni, os celulares eram adquiridos em feiras de troca localizadas em Oitizeiro e Bayeux. No momento da abordagem, no bairro Jardim Planalto, Lopes estava com três telefones, incluindo um que havia sido roubado em Recife.

“Nós iniciamos recentemente uma investigação para chegar nos compradores de celulares roubados, onde o bandido rouba e já tem a pessoa que recebe. Na tarde de hoje, quando o suspeito foi abordado, ele estava com três aparelhos telefônicos, sendo um que tinha sido roubado em Recife”, disse o delegado.

O suspeito já havia sido detido em Pernambuco pelo mesmo crime. O pastor deve passar por audiência de custódia nesta quarta-feira (21).



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //