Saúde

OMS confirma início de testes da primeira vacina contra Covid-19

Em Genebra, o diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus, lembrou que o teste foi iniciado apenas 60 dias após estar terminada a sequência genética do vírus, dizendo que “é uma conquista incrível.”

19/03/2020


Imagem meramente ilustrativa

Portal WSCOM

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou esta quarta-feira (19) que começaram os testes da primeira vacina contra o novo coronavírus, Covid-19.

Em Genebra, o diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus, lembrou que o teste foi iniciado apenas 60 dias após estar terminada a sequência genética do vírus, dizendo que “é uma conquista incrível.”

Vacina
Tedros elogiou “os pesquisadores de todo o mundo que se reuniram para avaliar, de forma sistemática, esta terapia experimental.” A chefe da área de vacina e medicamentos, Mariângela Simão de Genebra, falou sobre os novos ensaios clínicos.

“Uma vacina não é desenvolvida de um dia para o outro. Demora tempo para fazer os estudos necessários para avaliar não só a eficácia, se a vacina funciona ou não, mas também se ela é segura, se ela é estável, se é aplicada em diferentes condições, para diferentes grupos etários, e tudo o mais. No momento, temos cerca de 20 ensaios clínicos, pesquisas, em andamento para desenvolvimento de vacinas.”

Testes
Além da vacina, o chefe da OMS informou que vários testes de pequena dimensão, com métodos diferentes, estão decorrendo. Ele disse, no entanto, que podem “não dar a prova clara e forte” que é necessária.

Por causa disso, a OMS e vários parceiros estão organizando uma iniciativa em muitos países para comprar os resultados de vários tratamentos. O grande estudo foi chamado de Solidarity, Solidariedade, em português.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.