Paraíba

MPF contará com novos procuradores da República

06/06/2014




O Ministério Público Federal (MPF) está recebendo novos procuradores da República para atuar na Paraíba. Houve mudanças de membros nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Sousa, Patos e Monteiro.

Com as alterações, a Paraíba contará com a atuação de 16 procuradores da República, um membro a mais em relação a antes. Serão oito em João Pessoa, três em Campina Grande, dois em Sousa, dois em Patos e um em Monteiro.

João Pessoa – O procurador da República Sérgio Rodrigo Pimentel de Castro Pinto, anteriormente lotado em Campina Grande, pediu remoção para a capital. Quem fará parte, também, do MPF em João Pessoa é o procurador da República José Godoy Bezerra de Souza, que atuava em Monteiro (PB).

Além deles, compõem o quadro de procuradores na cidade: João Bernardo da Silva, Marcos Alexandre Bezerra Wanderley de Queiroga, Rodolfo Alves Silva, Victor Carvalho Veggi, Werton Magalhães Costa e Yordan Moreira Delgado.

Campina Grande – A recém-inaugurada sede própria do MPF na Rainha da Borborema contará com os trabalhos de Bruno Galvão Paiva, vindo de Caruaru (PE); e Bruno Barros de Assunção, removido de Petrolina (PE). Ambos já trabalharam na Paraíba, na unidade de Sousa (PB). Permanece na unidade a procuradora da República Acácia Soares Peixoto Suassuna.

Sousa – Os novos membros de Sousa (PB) são Tiago Misael de Jesus Martins, que pediu remoção da Paus dos Ferros (RN) e Djalma Gusmão Feitosa (procurador recentemente nomeado).

Patos – A cidade, que já contava com os trabalhos do procurador da República João Raphael Lima, desde a instalação da Procuradoria da República, em 2013, terá também a atuação do procurador da República Filipe Albernaz Pires, vindo de Porto Velho (RO). Agora, são dois membros.

Monteiro – A recém-instalada sede de Monteiro (PB) será conduzida pelo procurador da República Renan Paes Félix, antes lotado em Sousa (PB).

Deixando à Paraíba – Os procuradores da República Duciran Van Marsen Farena, José Guilherme Ferraz da Costa e Flávio Pereira da Costa Matias deixaram a Paraíba. Duciran Farena foi promovido a procurador regional da República e trabalhará na Procuradoria Regional da República da 5ª Região (PRR-5), localizada em Recife (PE). José Guilherme Ferraz trabalhará no Rio de Janeiro (RJ) e Flávio Pereira da Costa Matias passará a atuar em Jequié (BA).


Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.