Paraíba

Morre em João Pessoa, vítima de Covid-19, a médica pediatra Marlene Abrantes, esposa do radialista Carlos Abrantes

22/11/2020


A médica pediatra Marlene Abrantes foi mais uma vítima da Covid-19. (Foto: Reprodução)

Da redação/Portal WSCOM



A médica pediatra Marlene Abrantes, faleceu neste sábado (21) vítima de Covid-19, no Hospital da Unimed em João Pessoa. Ela trabalhava no Hospital Regional Lindolfo Gomes Vidal, em Santo Antônio, no interior do Rio Grande do Norte, de onde era natural.

Marlene era esposa do radialista, cerimonialista do Governo do Estado, e também advogado, Carlos Abrantes, ex-rádios Tabajara, Arapuan, Correio da Paraíba e Sociedade da Bahia, em Salvador.

O Sindicato dos trabalhadores em saúde do Rio Grande do Norte emitiu nota de pesar pela morte de Dra. Marlene. Veja:

 

NOTA DE FALECIMENTO

É com profundo pesar que o Sindsaúde-RN informa o falecimento da médica Dra. Marlene Abrantes, que trabalhava no Hospital Regional Lindolfo Gomes Vidal, em Santo Antônio, no interior do estado.

A servidora é mais uma vítima fatal da Covid-19 no RN. Assim como todos os trabalhadores da saúde, Dra. Marlene fazia parte da linha de frente no combate ao novo Coronavírus e o Sindsaúde RN lamenta e se solidariza com os familiares, amigos e colegas da nossa companheira de luta.

 

Dra Marlene Abrantes, era natural de Nova Cruz (RN), morava no bairro Altiplano Cabo Branco, em João Pessoa, e além do esposo, Carlos Abrantes, deixa 3 filhas e 4 netos, e como profissional da medicina também atuava na linha de frente no atendimento a pacientes com Covid-19.

Na Paraíba 14 médicos já morrem vítima de Covid.

 


Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.