Política

Moraes concede liberdade a influenciador bolsonarista paraibano preso por incitar golpe no 8 de janeiro


02/12/2023

Portal WSCOM



O influenciador bolsonarista e ex-secretário de Comunicação da Prefeitura de Bayeux Rodrigo Lima teve sua liberdade concedida pelo ministro Alexandre de Moraes nessa sexta-feira (1º). Rodrigo estava detido desde 17 de agosto, quando foi preso na Paraíba durante a Operação Lesa Pátria da Polícia Federal. As acusações incluíam suspeitas de incitar os atos golpistas de 8 de janeiro, que resultaram na invasão das sedes do STF, Congresso e Palácio do Planalto.

Atualmente recolhido em um presídio em João Pessoa, Rodrigo, ao ser libertado, terá que cumprir diversas medidas cautelares, incluindo a proibição de uso das redes sociais. Além disso, será obrigado a utilizar tornozeleira eletrônica, ficará impedido de sair de casa durante a noite e não poderá se comunicar com outros investigados.

Ele também foi candidato a vereador em João Pessoa em 2016, é jornalista, publicitário e especialista em Comunicação e Marketing, além de possuir mais de 133 mil seguidores somente no Instagram.

Na Operação Lesa Pátria, a Polícia Federal detalhou que os fatos investigados incluíam, em tese, crimes como abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido, além de crimes previstos na lei de terrorismo.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //