Paraíba

Moradores do Gervásio Maia solicitam construção de USFs

João Pessoa


23/04/2013



 Durante a 12ª audiência regional do Orçamento Participativo (OP), realizada nesta segunda-feira, 22, na Escola Municipal Raimundo Nonato, no Gervásio Maia, a população decidiu pela construção de Unidades de Saúde da Família (USFs). A plenária contou com a presença do prefeito, Luciano Cartaxo, e dos secretários da administração municipal.

O prefeito Luciano Cartaxo destacou que toda a equipa está constantemente à disposição da população. “Estamos prontos para ouvir e debater as necessidades da Capital e as ações da Prefeitura. A marca do nosso governo é este diálogo franco e aberto, olho no olho com a população. É assim que vamos alcançar resultados que possam melhorar verdadeiramente a vida de todos”, destacou.

A demanda mais votada foi a construção da USF do Colinas do Sul II. Além dela, também solicitada a Unidade do Colinas do Sul I. A construção de novas moradias também foi destaque. Novas unidades serão entregues para os moradores do Marines, Colinas do Sul I e Gervásio Maia. No que se refere à infraestrutura, ficou garantida a pavimentação das ruas Telegrafista Geraldo Fagundes, em Gramame. e Pedra do Ingá, no Gervásio Maia, além da iluminação da comunidade 410.

Luciano Cartaxo ainda garantiu a execução das dez prioridades eleitas no ano de 2012 para o Orçamento 2013 e adiantou algumas demandas que foram eleitas na noite. “Garantimos o início da construção da USF do Colinas II em, no máximo, um mês”, afirmou. Além disso, anunciou a construção de uma Praça de Esporte e Cultura na região, fruto de uma parceria com o Governo Federal. “São praças diferenciadas, com ginásios poliesportivos e auditório para teatro e cinema”, explicou.

A 12ª região orçamentária é formada pelos bairros de Gramame, Engenho Velho, Ponta de Gramame, Colinas do Sul I E II e as comunidades Marinês, Gervásio Maia e Irmã Dulce. A próxima região contemplada será a 13ª, que terá sua audiência nesta quarta-feira (24). O encontro acontecerá na Escola Municipal Leonel Brizola, localizada na Rua Olívio de Medeiros, no bairro Miramar.

Participação

O bairro Colinas do Sul II foi muito representado. Uma das moradoras presentes foi Josete de Oliveira, que contou com grande apoio em sua fala. “Nosso bairro precisa de tudo, mas nossa maior necessidade é uma Unidade de Saúde. Somos pessoas carentes e precisamos ao menos de uma medida paliativa”, afirmou. O secretário da Saúde, Adalberto Fulgêncio, afirmou que três novas equipes do PSF chegarão à região ainda este ano e outras oito estão previstas para o ano de 2014, em novas USFs.

A moradora Luciana Carvalho iniciou sua fala parabenizando o prefeito pelo Passe Livre para os estudantes. “Tenho uma filha que foi beneficiada e posso dizer o quanto fez a diferença”, afirmou. Mas ela também fez a sua reivindicação, referente à pavimentação do bairro de Gramame. O secretário da Infraestrutura, Ronaldo Guerra, destacou que o bairro receberá 11 quilômetros de ruas asfaltadas, dentro da política de pavimentação da Prefeitura.

Dona Vânia, da comunidade Marinês, solicitou cuidados com as famílias que moram em assentamentos na área. “Têm crianças, idosos, pessoas com deficiência e eles precisam de cuidados e também que se resolva esse problema de moradia”, reivindicou. A secretária de Habitação, Socorro Gadelha afirmou que mais de duas mil unidades habitacionais já estão em fase de projeto para região.

Orçamento 2014

O Ciclo do Orçamento Participativo (OP) 2013 foi lançado no dia 18 de março pelo prefeito Luciano Cartaxo. A primeira audiência ocorreu no dia 25 de março. Com as três audiências desta semana, a Prefeitura de João Pessoa totaliza 14 plenárias públicas para recolher da população a indicação de obras, serviços e ações para construir as propostas de Orçamento para 2014.

OP Digital

De forma paralela ao Ciclo do Orçamento Participativo, a Prefeitura irá implantar o projeto OP Digital, que este ano possibilitará que a população escolha três demandas pela internet (além das 10 demandas escolhidas nas audiências regionais) através do OP digital.

Ciclo orçamentário

É formado por um conjunto de sete etapas para discutir propostas de polícias públicas a serem inseridas nas peças orçamentárias do ano seguinte ao exercício em que ele se realiza. A primeira etapa do Ciclo do OP foi lançada no dia 18 e as plenárias começaram no dia 25 de março e prosseguem até o dia 25 de abril. Neste ano, o Ciclo será composto por sete etapas:

1ª etapa: Audiências Regionais (de 25 de março a 25 de abril)
2ª Etapa: Assembleias Regionais (02 de maio a 05 de junho)
3ª Etapa: Assembleia Geral do Orçamento (15 de junho)
4ª Etapa: Fóruns Temáticos (junho e julho)
5ª Etapa: Congresso Municipal do Orçamento (julho e agosto)
6ª Etapa: Caravana de Prioridades (agosto)
7ª Etapa: Planejamento Participativo (agosto)



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //