Paraíba

Máscaras reutilizáveis começam a ser distribuídas em filas de bancos na Paraíba

25/05/2020


Portal WSCOM

O Governo do Estado da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano e o Procon Estadual da Paraíba, iniciou nesta segunda-feira (25), nas filas de bancos, a distribuição de máscaras para a população de baixa renda, que está recebendo o auxílio emergencial e o Bolsa Família. A ação faz parte das medidas que visam combater o avanço do coronavírus no Estado.

A distribuição iniciou em agências bancárias na cidade de Campina Grande com a entrega de pacote com duas máscaras de tecidos para cada pessoa, com preenchimento de formulário com nome e CPF para prestação de contas, como forma de transparência do Governo do Estado nas ações de combate à pandemia. A ação desta semana é realizada pelo Procon-PB em três pontos: na agência da Caixa Econômica do Centro, na da Getúlio Vargas e na da Avenida Canal.

Ao todo, serão entregues aproximadamente 3 milhões de máscaras divididas entre as três macrorregiões de saúde, sendo: 1ª Macrorregião de Saúde (João Pessoa) – 1.369.860; 2ª Macrorregião de Saúde (Campina Grande) – 806.802; 3ª Macrorregião de Saúde (Patos e Sousa) – 798.504.

Para a superintendente do Procon-PB, Késsia Cavalcanti, a ação se faz importante porque as filas dos bancos se configuram como um vetor de grande preocupação, sendo um local de aglomeração. “Esse é o momento em que todos precisam estar protegidos. O Procon do Estado já vem desempenhando um papel de fiscalização e educação para o consumo. E agora o objetivo é levar proteção e segurança àqueles que precisam”, destaca.

Ela também destaca que o Procon-PB está desempenhando um papel fundamental de fiscalizar os estabelecimentos comerciais que estão abertos durante a pandemia por exercerem atividades de comércio essencial. “Estamos recebendo muitas denúncias dos consumidores que reclamam do aumento dos preços dos produtos, os fiscais do Procon-PB estão atentos a isso e evitando qualquer abuso no direito do consumidor”, salienta Késsia.

Para esclarecer dúvidas ou realizar denúncia, o Procon-PB disponibilizou o WhatsApp (83) 98618-8330. Também está disponível o disque 151, que é gratuito e funciona de telefone fixo ou de celular. SITE do Procon-PB: www.procon.pb.gov.br ou as Redes socais: Instagram ou Facebook: @proconpb e Twitter @procongovpb

cmjp ago 2

Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.