Música

Júnior do Cavaco e Forró Campina são atrações do ‘Sabadinho Bom’ neste sábado

Sabadinho Bom

20/06/2013




 Em mais uma dobradinha do chorinho e forró, o projeto ‘Sabadinho Bom’ neste sábado (22) leva à Praça Rio Branco, no Centro Histórico da Capital, o músico Júnior do Cavaco e o trio Forró Campina. As apresentações começam às 12h e prosseguem por toda tarde. O projeto é uma realização da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope).

Júnior do Cavaco sobe ao palco acompanhado dos músicos Serginho da Flauta (flauta), Israel Bonifácio (violão de sete cordas), Jamerson Perez (pandeiro) e Cândido Pessoa (tantan). Em cerca de três horas de show, o músico com a banda apresentarão clássicos do chorinho e composições contemporâneas. No repertório, canções como “Acariciando”, de Abel Ferreira; “Ingênuo”, de Pixinguinha; “Implicante”, de Jacob do Bandolim.

O artista começou na música há 15 anos no samba e nos últimos sete se inclinou para o chorinho. “A paixão pelo chorinho é porque é a primeira música brasileira”, disse. Um dos diferenciais da apresentação neste sábado (22) é que Júnior do Cavaco trará do universo do baião canções para a seara do chorinho, a exemplo das músicas de Luiz Gonzaga “Araponga”, “Pau de arara”, “Asa Branca” e “Assumpreto”. “Tenho esse projeto de gravar um CD só com baião, mas no estilo do chorinho”, disse.

Forró Campina – A segunda atração do projeto Sabadinho Bom, o Forró Campina, traz na veia a tradição da ‘Rainha da Borborema’ com as festas juninas. Criado há oito anos pelos músicos Dinho do Acordeom, Erivan Ferreira e Jimmy Silva, grupo acentua em suas apresentações a batida da zabumba em defesa do forró tradicional, sem estilizações.

O repertório é composto por canções criadas a partir do poeta campinense Adauto Ferreira, a exemplo de “Pra Cuidar de Mim”, “Menina Chorona”, “Minha Neta” e “Como Deus Criou”. O trio une a essas canções, músicas de Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Antônio Barros e Cecéu, Maciel Melo, Petrúcio Amorim e Flávio José.
O Forró Campina se apresenta com duas formações: em trio e em formato de banda. Na edição do ‘Sabadinho Bom’, a formação será a do trio com os músicos Erivan Ferreira (zabumba), Jimmy Silva (triângulo) e Dinho do Acordeom (sanfona).

Atualmente, o grupo está em fase de mixagem e masterização do CD “Como Deus Criou”, contendo 14 faixas, das quais três são baseadas na poesia de Adauto Ferreira e as demais incluem “Chuva Muída”, de Assizão, “Jeito Manhoso”, de Antônio Barros e Cecéu e “Xamego”, de Luiz Gonzaga.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você