Economia & Negócios

João Azevêdo assina contratos do Empreender PB com mulheres empreendedoras, nesta sexta

05/03/2020


Portal WSCOM

O governador João Azevêdo assina, nesta sexta-feira (6), 28 contratos para mulheres empreendedoras em situação de vulnerabilidade social, por meio da linha de crédito Empreender Mulher; bem como empreendedoras de forma geral por meio do Empreender Pessoa Jurídica, dos municípios de Belém e Bananeiras. Serão concedidos créditos que totalizam R$ 215 mil.

A assinatura dos contratos será feita durante solenidade de lançamento das ações da programação das atividades alusivas ao Dia Internacional da Mulher – 8 de Março, às 10h, na Sala de Concertos do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa.

A assinatura de contrato é uma das etapas de concessão de crédito. O Programa Empreender PB concede crédito produtivo orientado com o objetivo de incentivar a geração de emprego e renda, bem como apoiar e fortalecer a economia solidária, o microempreendedor individual, o microempresário, o empresário de pequeno porte e as cooperativas de produção da Paraíba.

Mês da Mulher

Para este mês que se comemora o Dia Internacional da Mulher – 8 de Março o Governo do Estado programou mais de 50 atividades envolvendo o trabalho interinstitucional de órgãos como Saúde, Educação, Segurança, Cultura, Esportes e Empreender. No sábado (7), a partir das 20h, na Praça do Povo do Espaço Cultural, as cantoras Duda Beat e Gatunas farão show comemorativo abrindo a programação cultural da Funesc com entrada gratuita.

Entre as ações que serão lançadas, será divulgada a formação dos profissionais que atuarão na ampliação do Programa Integrado Patrulha Maria da Penha, que atua na prevenção e acompanhamento de mulheres em situação de violência doméstica e familiar monitorando o cumprimento das medidas protetivas de urgência e medidas judiciais contra os agressores. O programa, que começou em 27 cidades da Paraíba, incluindo a região metropolitana de João Pessoa, será expandido para mais 106 cidades a partir do segundo semestre. O programa funciona por meio de parceria entre a Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana, Secretaria de Segurança (Sesds), Tribunal de Justiça da Paraíba, Polícia Militar e Polícia Civil.

O governo do Estado também vai divulgar uma campanha publicitária com material para internet, spot de rádio, cartazes, outdoors que serão espalhados pelo interior do Estado.

Ainda na solenidade, o governador João Azevêdo receberá o relatório do Grupo de Trabalho Interinstitucional de Feminicídio (GTI).O documento contém os resultados das reuniões operativas do GTI e o Protocolo de Feminicídio Paraibano, que será publicado ainda em 2020 com a presença da ONU Mulheres Brasil.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.