Política

Indicado por Efraim, novo superintendente dos Correios na Paraíba é bolsonarista e pediu golpe na frente de quartel

Petistas vêem com preocupação o novo nome e senador do União Brasil defende "perfil técnico" de Jackson Silva Henrique.


27/01/2023



 

 

A Superintendência dos Correios na Paraíba será ocupada por Jackson Silva Henrique. Servidor da empresa que até então atuava como Gerente de Região de Atendimento em Campina Grande, Jackson seria uma indicação do senador eleito Efraim Filho (União), já que a estatal é vinculada ao Ministério das Comunicações, hoje sob o comando de Juscelino Filho (União). A expectativa é que sua nomeação seja publicada em breve no Diário Oficial da União (DOU).

A escolha de Jackson é polêmica por se tratar de um apoiador do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Além de bolsonarista, o servidor também teria participado de atos golpistas em frente ao quartel de Campina Grande. Em entrevista ao programa Arapuan Verdade, da Arapuan FM, o presidente do PT na Paraíba, Jackson Macêdo, criticou o novo nome que estará à frente dos Correios no estado.

“As indicações têm que ter um filtro mínimo. Nós não podemos aceitar que figuras de proa, bolsonaristas de linha de frente, que acamparam na frente de quartel e que ajudaram financeiramente atos golpistas participem desse governo, porque aí é uma contradição política. Nós, do PT, vemos com muita preocupação esse tipo de procedimento”, disse Macêdo nesta sexta-feira (27).

Já Efraim contestou que a sugestão do nome de Jackson Silva seja dele e afirmou que foi uma indicação técnica do Ministério das Comunicações, feita pelo União Brasil.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //