Policial

Homem é preso suspeito de aplicar goles de mais de R$ 1 milhão se passando por servidor da Sudema


11/03/2024

Da Redação

Foi preso, na manhã desta segunda-feira (11), um homem suspeito de aplicar golpes se fazendo passar por servidor da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema). A ação fez parte da Operação Scammer, que está investigando a prática dos crimes de fraude eletrônica, lavagem de capitais e organização criminosa.

De acordo com o delegado Luiz Cotrim, em coletiva de imprensa realizada na Central de Polícia de Campina Grande, o homem é ex-presidiário e vinha entrando em contato com as vítimas, na maioria empresários, para cobrar valores de supostas multas ou licenças ambientais junto à Sudema. O esquema criminoso pode já ter movimentado cerca de R$ 1,2 milhão.

Além da prisão, foram expedidos outros três mandados de busca domiciliar. As investigações tiveram início a partir de denúncia da própria Sudema, que tomou conhecimento dos fatos por meio de seus canais de comunicação com a população.

Em nota, a Sudema disse “reforçar que não realiza contato telefônico para cobrar valores relacionados a multas, taxas ou para o cancelamento de autos de infração. Em caso de qualquer mensagem ou telefonema dessa natureza,  o órgão recomenda  entrar em contato através do telefone  (83) 3690-1986 e (83) 98814-7699 ou do e-mail ouvidoria@sudema.pb.gov.br. As denúncias são mantidas em sigilo”.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //