Esporte

Haaland é eleito o Golden Boy de 2020; Vinicius Jr. é o único brasileiro no top 10

21/11/2020


Na imagem o atacante norueguês Erling Haaland

GE



O atacante norueguês Erling Haaland, do Borussia Dortmund, foi eleito neste sábado o vencedor do troféu “Golden Boy” de 2020. A premiação é entregue desde 2003 pelo jornal “Tuttosport”, da Itália, para o melhor jogador sub-21 do ano entre todos os clubes das primeiras divisões da Europa.

Haaland terminou a eleição votada por jornalistas europeus com 302 pontos, na frente de Ansu Fati (239), do Barcelona, e Alphonso Davies, (226), do Bayern de Munique. O brasileiro melhor colocado foi o atacante Vini Jr, do Real Madrid, na décima posição, com nove pontos. Ele e Rodrygo, também do time espanhol, representaram o Brasil entre os 20 melhores atletas sub-21 pelo segundo ano seguido.

O atacante norueguês chegou ao Borussia Dortmund em janeiro deste ano, após passagem pelo RB Salzburg, da Áustria. Pelo time alemão ele marcou 27 gols em 29 jogos. Além disso, somou mais seis gols em 5 partidas pela seleção da Noruega. Ou seja: hoje com 20 anos, Haaland tem em 2020 até agora 33 gols em 34 jogos.

Dois brasileiros já foram eleitos, em 2008 e 2009: Anderson e Alexandre Pato, quando defendiam Manchester United e Milan, respectivamente.

Os vencedores do Prêmio Golden Boy:
2020: Haaland (Borussia Dortmund)
2019: João Félix (Benfica e Atlético de Madrid)
2018: De Ligt (Ajax)
2017: Mbappé (Monaco e PSG)
2016: Renato Sanches (Benfica e Bayern Munich)
2015: Martial (Monaco e Manchester United)
2014: Sterling (Liverpool)
2013: Pogba (Juventus)
2012: Isco (Malaga)
2011: Götze (Borussia Dortmund)
2010: Balotelli (Inter de Milão)
2009: Alexandre Pato (Milan)
2008: Anderson (Manchester United)
2007: Agüero (Atlético de Madrid)
2006: Fabregas (Arsenal)
2005: Messi (Barcelona)
2004: Rooney (Everton)
2003: Van der Vaart (Ajax)


Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.