Policial

Fugitivos de Mossoró são capturados após 50 dias de busca

Ambos conseguiram escapar da unidade prisional ao abrir passagem por um buraco existente atrás de uma luminária das celas


04/04/2024

(Foto: Divulgação)

Portal WSCOM/ Brasil 247

Após 50 dias de busca, a Polícia Federal recapturou nesta quinta-feira (4) Rogério da Silva Mendonça e Deibson Cabral Nascimento, os dois fugitivos da penitenciária federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. A captura dos fugitivos foi feita em uma ação conjunta com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Eles foram presos em Marabá (PA), a mais de 1, 6 mil quilômetros de distância do presídio potiguar.

Ambos são integrantes da facção Comando Vermelho e conseguiram escapar da unidade prisional no dia 14 de fevereiro, após abrirem uma passagem por um buraco existente atrás de uma luminária das celas e cortar duas cercas de arame utilizando ferramentas provenientes de uma obra que ocorria no local. A fuga aconteceu no dia 14 de fevereiro.

Esta é a primeira fuga registrada na história do sistema penitenciário federal. Na terça-feira (2), a Corregedoria-Geral da Secretaria Nacional de Políticas Penais emitiu um comunicado anunciando a conclusão do relatório sobre as responsabilidades relacionadas à fuga dos detentos. O órgão identificou  falhas de procedimento no caso, porém negou a existência de qualquer indício de corrupção. Ao todo, 10 servidores são investigados. (Com informações do g1).



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //