menu

Esporte

01/12/2019


Flamengo vence o Palmeiras com dois de Gabigol, quebra tabu no Allianz Parque e aumenta crise no rival

Com dois gols de Gabriel Barbosa e um de Arrascaeta, o time carioca dominou e venceu por 3 a 1.

Foto: Luis Moura

Com informações R7
Portal WSCOM

 

O Flamengo não tomou conhecimento do Palmeiras no Allianz Parque, dominou e venceu com muita facilidade o Verdão por 3 a 1. Gabriel Barbosa, duas vezes, e Arrascaeta fizeram para os visitantes, e Willian fez o do Palmeiras. É a primeira vez que o time paulista perde para o rival em sua Arena desde a inauguração, em 2014. A partida foi marcada por um amplo domínio do time carioca, que pouco se esforçou e construiu os gols de maneira natural e com falhas grotescas da defesa do Palmeiras.

 

Sobre o jogo

Logo nos primeiros minutos, o Flamengo mostrou os motivos de ser o grande time do Brasil em 2019. Aos 4, o time já abriu o placar. Gabigol recebeu lançamento longo passe e tocou para Arrascaeta, que apenas rolou para o fundo do gol. A princípio, o gol havia sido anulado, com o bandeirinha alegando impedimento de Gabigol. Porém, após a utilização do VAR, a vantagem rubro-negra foi confirmada.

 

O time carioca não baixou o ritmo e continuou criando chances. Aos 21, Bruno Henrique cabeceou para fora. Aos 32, Rafinha cruzou na medida para Vitinho, que, também de cabeça, obrigou Jailson a fazer uma grande defesa para evitar o segundo.

 

Aos 43, mais uma oportunidade perdida. Vitinho cruzou rasteiro para Gabigol, que mandou para o gol e Jailson mais uma vez defendeu.

 

Mas toda a pressão flamenguista finalmente deu resultado aos 46. E com um golaço. Rafinha lançou para Arrascaeta, que, com um toque de classe, deixou Gabigol de frente para o gol. E o artilheiro do Brasileirão não desperdiçou, mostrando muita categoria na finalização e deixando sua equipe com dois gols de vantagem no fim do primeiro tempo.

 

Mal começou a segunda etapa e o Flamengo marcou o terceiro. Vitor Hugo saiu jogando errado e entregou a bola para Gerson. Ela sobrou limpa para Gabigol, que não teve dificuldades para marcar o seu 24º gol no Brasileirão.

 

Era o que faltava para a torcida do Palmeiras se revoltar de vez contra o time. Das arquibancadas do Allianz Parque, foram entoados muitos gritos de “vergonha, time sem vergonha” e críticas a Mano Menezes e também à diretoria, com xingamentos a Alexandre Mattos e o presidente Maurício Galiotte. Em um momento do jogo, até mesmo pedaços de assentos do estádio foram arremessados para dentro do campo.

 

Na base do toque, o Flamengo chegou ao segundo. Arrascaeta para Gabigol, que ganhou de Luan e encheu o pé na saída de Jailson. O goleiro, aliás, salvou duas chances claras do time carioca, que poderia ter ido para o vestiário com uma goleada no placar.