Futebol

Fla estreia contra o Quissamã

Debutante


19/01/2013

 O maior campeão carioca contra um debutante na Primeira Divisão. Flamengo e Quissamã escrevem neste sábado, no Engenhão, às 17h (de Brasília), o primeiro capítulo da história do confronto. O Rubro-Negro, dono de 32 títulos, está no Grupo B da Taça Guanabara e recebe a equipe da cidade do Norte Fluminense, que fica localizada entre Campos dos Goytacazes e Macaé. Apesar de novato na elite, o Quissamã tem mais de 90 anos de história. O time está no Grupo A.

O Flamengo que inicia a disputa da Taça Guanabara é apenas um rascunho. Na primeira partida pós-Vagner Love, o técnico Dorival Júnior não poderá contar com os reforços contratados. Elias, Gabriel e João Paulo ainda estão em fase de preparação física. Além deles, um grupo com atletas que vai continuar em ritmo de pré-temporada está fora. Sendo assim, o treinador usará uma formação mista, que terá o experiente Léo Moura, de 34 anos, e o garoto Rafinha, de 19.

O Rubro-Negro também tem seus debutantes. Além de Rafinha, o meia Rodolfo e o atacante Nixon serão titulares da equipe pela primeira vez no estadual. Depois da repentina saída de Love, o trio ganhou espaço e responderá pelas ações ofensivas da equipe. Hernane completa o ataque.

No Quissamã, a aposta é na manutenção do elenco que levou com sobras o título da Série B do Carioca no ano passado. A equipe comandada pelo técnico Marcelo Buarque teve reforços pontuais e não conta com nomes conhecidos do grande público. O fator motivacional da equipe fica para identificação dos jogadores com Quissamã, cidade natal da maioria dos integrantes do plantel.

Flamengo: Dorival Júnior decidiu esticar a pré-temporada de alguns atletas e vai usar uma equipe mista na estreia. Como também não pode contar com os reforços (Elias, Gabriel e João Paulo), recorreu a garotos da base. A única dúvida está na cabeça de área: Cáceres disputa a vaga com Amaral. A equipe que enfrentará o Quissamã terá Felipe, Léo Moura, Renato Santos, Frauches e Ramon; Amaral (Cáceres), Ibson e Rodolfo; Rafinha, Hernane e Nixon.

Quissamã: o técnico Marcelo Buarque fez mistério e não revelou o time que enfrenta o Flamengo. A possível escalação terá: Ricardo, Fred, Edson, Douglas e Vinícius; Ricardinho, Claiton, Bruno Reis e Tiaguinho; Catitu e Fabrício.

Flamengo: o grupo que continua fazendo treinos de pré-temporada e não joga é formado por Thomás, Renato, Alex Silva, Cleber Santana, Airton, Camacho, Muralha, González e os quatro jogadores contratados recentemente: Elias, Gabriel, João Paulo e Wallace.

Quissamã: o técnico Marcelo Buarque não tem desfalques para a partida. Todo o elenco está à disposição para a estreia no Carioca.

Flamengo: o maranhense Rafinha, que tem 19 anos e chamou atenção pelo moicano à la Neymar – desfeito no início desta temporada – ganha uma chance. Depois de sofrer uma contusão grave na tíbia no fim de 2011, ele recuperou espaço nos juniores ao longo de 2012 e agora tenta se firmar entre os profissionais. Nos treinos da semana, Dorival Júnior escalou o jogador como ponta, alternando entre a esquerda e a direita, e cobrou muito do garoto. O atacante, que surgiu no CFZ, tem contrato até o primeiro semestre de 2014.


Quissamã:
o meia Bruno Reis é o destaque do time. Ele tem 31 anos e foi campeão da Série C e da Série B com a camisa do Quissamã. O meia, que é homônimo de um ex-atacante do Fluminense, está na equipe desde 2008. Em todos os jogos em que foi escalado, o jogador entrou em campo com a braçadeira de capitão. Bruno Reis chegou a jogar pelo Audax em 2010, quando o ex-técnico do Quissamã, Paulo Henrique, comandou o time do Rio, mas assim que o técnico voltou para o time do Norte Fluminense, o meia também retornou.

 

Dorival Júnior, técnico do Flamengo: “Temos aí dentro do nosso estado o atual campeão brasileiro, com todos os méritos possíveis, uma equipe muito bem montada e que terminou o ano de maneira muito regular, que foi o Botafogo, o Vasco com algumas reformulações, o próprio Flamengo, além do que sempre duas ou três equipes do interior que chegam muito bem. Então é um campeonato que tem tudo para ser difícil, o Flamengo vivendo uma outra situação, mas acima de tudo acreditando no trabalho de renovação, um trabalho difícil, mas eu confio muito que as coisas possam acontecer”.

Marcelo Buarque, técnico do Quissamã: “Estamos trabalhando de manhã e de tarde todos os dias para conseguir intensificar esse trabalho e fazer o que a gente pensa. O grupo é capaz, é inteligente e a gente está conseguindo pular etapa e a coisa está encaixando. Conseguimos formar um grupo forte para formar um time forte também e não vamos jogar com pensamento de não cair, porque pensar assim é pensar muito pequeno. O objetivo é fazer um bom jogo não só contra o Flamengo, mas contra todos os outros também”.

* Este ano, Quissamã e Audax fazem suas estreias na elite do futebol carioca. A última vez que um clube debutou na Primeira Divisão estadual foi em 2009. O Tigres do Brasil permaneceu duas temporadas e foi rebaixado em 2010.


* Campeão carioca em 32 oportunidades, o Flamengo superou em 2009 a marca do Fluminense e pelo quarto ano aparece isolado como o maior vencedor da história do futebol do Rio de Janeiro. O Tricolor tem 31 títulos, o Vasco tem 22 e o Botafogo aparece com 19. Vale destacar que o Fluminense disputa o estadual desde 1906, enquanto o Flamengo iniciou sua participação em 1912.


* Nos últimos seis anos, o Flamengo estreou vencendo no Campeonato Carioca: derrotou o Cabofriense em 2007, Boavista em 2008, Friburguense em 2009, Duque de Caxias em 2010, Volta Redonda em 2011 e Bonsucesso no ano passado.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.