Política

Famup discute volta às aulas com gestores e lança pesquisa para detalhar desafios dos municípios na Educação

A entidade ainda lançou uma pesquisa para levantar informações sobre a estrutura das unidades de ensino de todo o estado e as condições para o retorno das aulas após o impacto da pandemia do novo coronavírus

23/01/2021


Na imagem George Coelho, atual presidente da Famup (Arquivo)

Portal WSCOM



A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) realizou uma reunião, nesta sexta-feira (22), com mais de 50 prefeituras para discutir o retorno das aulas nas escolas públicas da Paraíba. A entidade ainda lançou uma pesquisa para levantar informações sobre a estrutura das unidades de ensino de todo o estado e as condições para o retorno das aulas após o impacto da pandemia do novo coronavírus.

O encontro aconteceu de forma online e uniu técnicos e gestores, que trataram sobre as dificuldades enfrentadas pelos municípios na área da Educação, por conta da pandemia, além das expectativas para o retorno das aulas e os recursos disponíveis para esse momento.  Para o presidente da Famup, George Coelho, o diálogo e a troca de experiências entre os participantes ajudam no processo de retomada às aulas.

“Esse é um desafio que todo município enfrentará neste começo de ano e por isso, precisamos estar unidos e contar com o apoio dos órgãos, de empresas privadas, do governo do Estado e Federal, para que possamos trabalhar, de forma coordenada, para a volta dessas aulas de forma segura e sem impactos negativos”, pontuou.

Durante a reunião, a Famup disponibilizou um formulário, que aborda questões como quais atividades pedagógicas as secretarias de Educação estão desenvolvendo no período de pandemia, se já há data para o retorno das aulas, o plano de retomada das unidades de ensino e a origem dos recursos utilizados. Quando preenchido pelos municípios, o questionário será enviado para o Governo do Estado, que passará a contar com os dados para decidir sobre a retomada das aulas.

“É uma forma de auxiliar não só os municípios, mas também o Governo para o plano de retomada das aulas, de forma que sejam observados os desafios de cada município e se busque uma maneira de voltar as aulas que todas as cidades possam aderir”, considerou George.

Além de mais de 50 prefeitos e secretários de Educação, participaram da reunião a vice-presidente da União Nacional dos Dirigentes de Educação Municipal na Paraíba (Undime-PB), Joana Ferreira, a empresária Socorro Trindade, que tem uma organização voltada para a área da educação e o médico Ricardo Azevedo, que tem se aprofundado em pesquisas sobre a covid-19 e seus impactos na sociedade.

O formulário pode ser acessado através do link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdkVNaiAsnV5JioGKlrcADyFaAlKyzcVG3OYmQAneUv4p9MPA/viewform



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você