Educação

Escolas particulares de JP passam por fiscalização da Vigilância Sanitária para verificar cumprimento de medidas contra Covid-19

Dentro da ação, devem ser fiscalizadas cerca de 120 escolas particulares, além de instituições de ensino superior, cursinhos preparatórios e 100 escolas públicas.

08/02/2021


Imagem ilustrativa (Foto: Einstein.br)

Portal WSCOM



A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio da Vigilância Sanitária, está fiscalizando instituições de ensino para verificar o cumprimento do protocolo de retomada das aulas e garantir a proteção dos alunos e educadores contra a Covid-19. A ação, intitulada Escola contra Covid, teve inicio nos colégios particulares da Capital, mas se estenderá também às escolas da rede pública.

A ação, além de fiscalizadora, tem caráter educativo e acontece diariamente. Durante a visita, os fiscais da Vigilância Sanitária dão orientações para um retorno seguro e verificam a existência de não conformidades com o protocolo de retomada, como a quantidade de alunos por sala, distanciamento, quantidade de entradas e saídas nas instituições, além de itens já conhecidos como uso de máscara, disponibilidade de álcool e aferição da temperatura.

“Essa é uma ação preventiva e educativa para que as atividades possam ser retomadas de forma segura, tanto para os alunos quanto para os funcionários. Precisamos lembrar que a pandemia ainda não acabou e os cuidados precisam acontecer. Por isso, protocolos foram criados, para proporcionar um retorno com segurança, mas é extremamente necessário que o protocolo seja respeitado”, destaca Aline Grisi, diretora de Vigilância em Saúde da SMS.

Dentro da ação, devem ser fiscalizadas cerca de 120 escolas particulares, além de instituições de ensino superior, cursinhos preparatórios e 100 escolas públicas.  Até o momento, já foram realizadas fiscalizações em 23 instituições de ensino. Se, durante a ação, for identificado o descumprimento de algum ponto do protocolo, a instituição será notificada podendo até, em casos graves, ter a suspensão das atividades até a adequação ao protocolo.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você