Paraíba

Em nova análise, Walter Santos aponta as novidades atuais da politica na Paraiba


22/10/2021



Novos (?) cenários expõem Azevêdo dialogando com PP, Vené sinalizando Lula, Romero aguardando Rodrigo Pacheco e a posição do PT

Vamos inverter a lógica das projeções dos vários contextos apresentados: nesta sexta-feira tem reunião do Diretório Estadual do PT para deliberações na direção de 2022 mas, mesmo com diálogos referenciados com governo, precisamos ver no que vai dar o encontro desta noite.

Em termos absolutos, a maioria petista estadual levando em conta o ranking dos últimos tempos se mantém pró-aliança de Lula com o governador, mas já surgem queixas para necessidade de mais articulação diante dos novos fatos.

ROMERO SAI DA TOCA?

Noutro campo a novidade é a pre-candidatura de Rodrigo Pacheco pelo PSD, de Gilberto Kassab ( ah como Rômulo Gouveia faz falta) podendo agora animar Romero Rodrigues à disputa do governo.

Mas nesse contexto todo em que envolvem Aguinaldo Ribeiro e Efraim Filho, o fato é que cada vez mais se ampliam projeções de acordo de Lula com Veneziano para o Governo algo que, com a candidatura de Romero, gera dificuldades para a base de Azevêdo.
Em qualquer situação, o governador se mantém com liderança na disputa.

Não se pode precipitar nada, mas este é o cenário instigado pelo ex-governador Ricardo Coutinho motivador de parte deste cenário. Ou seja, mesmo sem o tamanho de antes, ele trabalha para criar dificuldades ao governador, sobretudo com Lula, mesmo com Azevêdo acenando há tempo para o petista.

Este é o cenário contemporâneo.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.