Internacional

Em gesto de protesto, governo brasileiro convoca embaixador em Israel para consultas

o embaixador do Brasil em Tel Aviv, Frederico Meyer, foi chamado de volta para consultas.


19/02/2024

Portal WSCOM/ Brasil 247

O governo brasileiro reagiu aos ataques do governo de extrema direita de Israel contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na tarde desta segunda-feira (19), o embaixador do Brasil em Tel Aviv, Frederico Meyer, foi chamado de volta para consultas.

É uma forma de protesto contra as agressões de Israel contra o presidente Lula, que foi declarado “persona non grata” (alguém que não é bem-vindo, em tradução livre) e também contra o genocídio que vem sendo comandado pelo estado de Israel contra o povo palestino. Desde o início do massacre, o governo de Netanyahu já assassinou quase 30 mil palestinos e está sendo acusado de genocídio na Corte Internacional de Justiça.

Lula tem o apoio dos rabinos judeus, que também associam o governo Netanyahu ao nazismo, e dos setores democráticos da sociedade brasileira. Confira:



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //