Política

Dilma diz em convenção do PMDB que aliança com partido terá “vida longa”


02/03/2013

Em discurso na Convenção Nacional do PMDB neste sábado (2) em Brasília, a presidente da República Dilma Rousseff comemorou a união com o PMDB e afirmou que a aliança do PT com o partido terá "uma longa vida".

"É uma honra vir aqui na convenção do PMDB. Queria dirigir um cumprimento a meu grande parceiro, Michel Temer", afirmou Dilma ao iniciar o discurso.

"É uma honra participar da convenção do partido que é o maior parceiro do meu governo. [Essa] parceria é sólida, produtiva e que, sem duvida, terá uma longa vida", declarou a presidente.

Dilma disse que PT e PMDB são os partidos mais queridos do Brasil e relembrou a construção da aliança com o partido, em 2010.

"O PMDB e o PT naquele dia, se uniam, numa grande frente pelo Brasil", declarou Dilma. "Nossas lutas não começavam naquele momento. Aquelas lutas vinham da resistência democrática, onde nós forjamos o combate à opressão, onde forjamos um compromisso forte com a liberdade".

"Naquele dia, eu homenageei Ulysses Guimarães como homenageio hoje", relembrou a presidente.

Em seu discurso de aproximadamente 45 minutos, não faltaram elogios ao PMDB e ao vice-presidente Michel Temer.

"Hoje nós estamos dando mais um passo na nossa aliança. O PMDB é protagonista de uma as maiores coalizões formadas para governar o Brasil", declarou Dilma, que, em seguida, fez uma defesa do modelo presidencialista brasileiro, à base de coalizões partidárias.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //