Artes

Designer brasileira Tati Guimarães aterrissa no MoMA

Forma


25/07/2013

 Bakus, o colecionador de melhores momentos e rolhas de vinho, criado e produzido em Barcelona pela designer brasileira Tati Guimarães, fundadora da Ciclus, foi selecionado pelo Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA) e está sendo distribuido exclusivamente em todo mundo.

O produto, além de colecionar as rolhas de vinho mais significativas, também se transforma em um descanso de mesa. Bakus foi escolhido e prestigiado pelo MoMA para ser vendido em suas lojas de design de Nova York e Tóquio e lojas independentes do Norte e América Central, Europa e Extremo Oriente. A compra online também está disponível através do site e incluída no catálogo permanente do MoMA de venda internacional por atacado.

A peça, após ser exposta durante o Salone Satellite em Milão, na Itália, no ano de 2012, foi aprovada por um comitê altamente seletivo do MoMA, que costuma apoiar os designers internacionais mais inovadores e dinâmicos, cujos produtos inspiram emoção e criatividade. A peça Bakus e sua embalagem original, também criada pela artista, vêm marcadas com o logo do MoMA e assinadas pela designer.

Sobre a designer Tati Guimarães

Formada em designer gráfico e de produto, Tati Guimarães é uma brasileira nascida no Rio de Janeiro, porém reside em Barcelona há mais de 15 anos, onde dirige seu estúdio Ciclus, fundado em 2011. A artista, que é representada no Brasil pela agência BRIDGE, vem sendo premiada e reconhecida internacionalmente por seus projetos cheios de máximo impacto sensorial e mínimo impacto ambiental. Suas criações têm sido publicadas em vários países e expostas e vendidas em lojas, além de instituições de todo o mundo.

Em 2013, uma de suas criações, o descanso de mesa BAKUS, foi selecionado para ser distribuído internacionalmente e exclusivamente pelo MoMA – Museu de Arte Moderna de Nova YorK.

Tati Guimarães, além de professora em Barcelona, no Instituto Europeu de Design, trabalha também para empresas como Heineken, ONO (Telecom), Hera Holding Y MoMA.

“Quando desenho, vou além da funcionalidade, beleza e sustentabilidade. Gosto de criar objetos versáteis que transmitam uma mensagem, que interajam com as pessoas e suas emoções, convidando-as a refletir” – Tati Guimarães”

Sobre a BRIDGE

A Bridge chega ao mercado brasileiro representando e promovendo artistas visuais europeus de diferentes disciplinas, que já são reconhecidos mundialmente, funcionando como um elo entre os dois polos: Europa e Brasil.

Entre os artistas representados pelas Bridge estão os espanhois Pep Montserrat, Carla Besora, Meri Duran, Sonia Pulido, Pere Ginard, Laboratorium, David Torrents, Tati Guimarães e Oriol Aleu, a grega Christina Christoforou e a francesa Camille Vannier, sendo que o catálogo de artistas estará em constante evolução com as novas incorporações periódicas.
Com a proposta de colaborar com o mercado local, a agência oferece soluções efetivas que suprem as necessidades de qualquer cliente, desde as grandes organizações até projetos de pequena escala. A agência é uma ferramenta criativa complementar, capaz de desenvolver soluções diversificadas para todos os setores da economia criativa.

A missão da Bridge é facilitar a incorporação de visões singulares nas áreas de: ilustração editorial e de imprensa, publicidade, comunicação corporativa, moda, produto, linguagem audiovisual, arquitetura, artes plásticas, animação, vídeo, fotografia e em todos os projetos que procurem soluções distintivas no âmbito da comunicação visual.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //