Política

Deputados falam em adaptação de partidos após Senado confirmar eleições sem coligações


23/09/2021

Portal WSCOM



Após o Plenário do Senado aprovar ontem (22) a PEC da reforma eleitoral sem a volta das coligações nas eleições proporcionais, os deputados estaduais Camila Toscano (PSDB) e Raniery Paulino (MDB), de oposição e situação, respectivamente, se manifestaram nesta quinta-feira (23) pregando adaptação às novas regras.

“Temos que estar adaptados às regras, não temos que escolher. Tem que representar a população aqueles que tiverem mais votos”, disse Camila à 98fm.

Raniery pregou organização dos partidos: “O que vai ocorrer é que os partidos terão que se organizar, fazer nominatas, criar bandeiras para estar dentro das discussões e debates da sociedade”.

 Entre os trechos aprovados está um dispositivo para incentivar candidaturas de mulheres e pessoas negras. Aprovada em agosto pela Câmara dos Deputados, a proposta segue agora para promulgação.

 O texto precisa ser promulgado até 2 de outubro para que as regras tenham validade nas eleições de 2022. Foram 70 votos contra 3 na votação em primeiro turno, e 66 a 3 na votação em segundo turno.

 

 

 

 



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.