Futebol

Defesa de Daniel Alves agora alega “jogo erótico” em pedido de liberdade

Alguns pedidos de liberdade já foram negados ao jogador


19/05/2023

Foto: Lucas Figueiredo / CBF/Divulgação

Brasil 247

O lateral-direito Daniel Alves segue preso em Barcelona desde o dia 20 de janeiro por acusações de ter estuprado uma jovem na boate Sutton em dezembro em 2022 e já teve alguns pedidos de liberdade negados.

Em documento enviado ao UOL, a defesa de Daniel Alves agora alega que nas imagens gravadas se vê “dois adultos desenvolvendo um jogo erótico preliminar ao coito”.

Já imagens obtidas pelo portal mostram a jovem saindo do banheiro logo após a interação com o jogador e demonstrando nervosismo. Em seguida, ela pede ajuda ao barman da boate, que aciona a polícia.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //