Educação

Conselho Educação da Paraíba defende adiamento do Enem 2020

15/05/2020


Imagem ilustrativa - Inscrições serão feitas de forma digital

Portal WSCOM

O Conselho Estadual de Educação da Paraíba divulgou nesta sexta-feira (15) uma nota pública defendendo o adiamento da edição deste ano do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). A Nota considera que as desigualdades da sociedade brasileira demonstram-se diretamente na realidade educacional do país e, em especial, da Paraíba. Considera que essas desigualdades aparecem com mais vigor em tempos de crise econômica e de pandemia.
O Conselho chama a atenção da sociedade e do governo federal de que é necessário, neste momento de excepcionalidade, conferir uma atenção prioritária a um dos maiores sonhos da vida de muitos jovens e adultos: o ingresso no Ensino Superior.
 A partir de argumentos sobre a vulnerabilidade de boa parte das redes públicas de ensino, a exclusão digital, as condições socioeconômicas de grande parcela da população e a reorganização do calendário escolar em função da grave pandemia que nos assola, o CEE/PB se acosta aos posicionamentos da UNE, da UBES e de várias outras entidades e organizações da Educação, de caráter regional e nacional.
 Conclui a nota que, por todos os motivos expostos e, em especial, em respeito aos milhares de alunos paraibanos e suas famílias, o CEE–PB posiciona-se de forma veemente pelo adiamento do ENEM 2020.

Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.