Futebol

Com gol no fim, Corinthians perde para a Ponte Preta

Tropeço

23/01/2013


O Corinthians conheceu a sua primeira derrota no Paulistão Chevrolet de 2013. E logo contra a Ponte Preta, algoz da equipe na edição do ano anterior. Com gol de pênalti do atacante William, aos 43 minutos do segundo tempo, a Macaca venceu na segunda rodada da competição e chegou a quatro pontos. O Timão segue com um.

Ainda sem nenhum titular, já que os campeões mundiais iniciaram a pré-temporada apenas no último dia 14, os reservas do Timão fizeram um jogo bastante burocrático com a equipe campineira, no reencontro com a torcida.

Zizao, pela segunda vez seguida como titular, foi quem mais chamou a atenção. Além de sua mãe, que acompanhava tudo da arquibancada, a Fiel também aplaudia cada pique dado pelo meio-campista, que apostou na velocidade e foi o responsável pelas bolas paradas. Em dois lançamentos, por exemplo, acabou na cara do gol, mas não conseguiu clarear para marcar.

Em todo o jogo, porém, foi a Ponte quem criou as melhores oportunidades. Chiquinho, ex-Timão, teve duas na etapa inicial. Na primeira delas, roubou a bola do capitão Edenilson e experimentou bonito chute. Danilo Fernandes, que deixou Julio Cesar no banco de reservas por conta do rodízio de goleiros, espalmou bem. Depois, em contra-ataque, o pontepretano ficou cara a cara com o camisa 22, mas adiantou demais a bola e acabou sem ângulo.

O segundo tempo começou também com a Ponte assustando. Logo no primeiro minuto, a zaga do Timão bateu cabeça e Wendel perdeu grande chance, ao bater por cima do gol. Zizao, o queridinho da Fiel, até teve a chance de ser o herói, mas se precipitou. Em arrancada pela esquerda, Giovanni encheu o pé, a bola desviou no zagueiro Cleber e acertou a trave. No rebote, o chinês preferiu tocar para o meio da área ao invés de chutar. Faltou poder de decisão…

Que faltava também a William, da Ponte, que aos 37 minutos do segundo tempo recebeu de Cicinho dentro da área, mas parou em Danilo Fernandes, que defendeu com os pés. Minutos depois, porém, não perdoou. Em esbarrão de Felipe em Cicinho dentro da área, o árbitro Luiz Vanderlei Martinucho assinalou pênalti, que o camisa 9 bateu e converteu.

Na próxima rodada, a Macaca faz o Dérbi campineiro com o Guarani, sábado, às 17h, no Brinco de Ouro da Princesa e, no dia seguinte, o Timão visita o Mirassol, também às 17h, no J.C.Maia.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 1 PONTE PRETA
Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data/hora: 23/1/2013 – 17h
Árbitro: Luis Vanderlei Martinucho
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e João Edilson de Andrade
Renda/público: R$ 473.930,40/ 17.663
Cartões amarelos: Uendel, William, Cicinho, Baraka, Artur (PON); Gil, Zizao (COR)
Cartões vermelhos: –
GOL: William 43’/2T (0-1)
CORINTHIANS: Danilo Fernandes; Edenílson, Felipe, Gil, Wender, Willian Arão, Guilherme Andrade, Guilherme, Giovanni (Nenê Bonilha 25’/T), Zizao (Léo 25’/2T) e Romarinho. Técnico: Tite
PONTE PRETA: Edson Bastos; Artur, Cleber, Ferron, Uendel, Baraka, Bruno Silva, Cicinho (Memo 45’/2T), Wellington Bruno (Geovane 38’/2T), Chiquinho (Ferrugem 26’/2T) e William. Técnico: Guto Ferreira.