Política

Efeitos e conjecturas diante do exame de Lula de vir a ser vice de Camilo Santana; eis uma reviravolta danada


30/04/2021

Bastidores de política servem como base ilustrativa tal qual é olhar para o céu. Bastou mudar o foco e voltar a vista passando a conviver com outro cenário diferente. Guardadas as proporções é o que acabou de entrar na pauta política nacional a possibilidade de Lula apoiar a candidatura de Camilo Santana a presidente da República figurando como vice.

Não, não há nada certo, mas já é um assunto muito comentado, depois que os atilados e veteranos analistas Luiz Carlos Azedo e Donizete Arruda passaram a explorar em seus espaços de mídia. Azedo, lógico, a partir do Correio Braziliense, de onde é expoente.

MUDA TUDO

O fato é que se Lula reproduzir o mesmo engenho da última eleição na Argentina, onde a ex-presidente Cristina Kirchner resolveu ser vice do atual presidente Alberto Fernandez, simplesmente causará a mais forte novidade do processo sucessório no Brasil em 2022.

O governador cearense – foco da última edição da Revista NORDESTE como gestor de muitos resultados e coragem de decidir na condição de poucos – de cara criaria um desconforto imenso para seu aliado Ciro Gomes, já que foi o chefe do executivo quem promoveu encontro de Lula com Ciro tempos atrás.

Pela ordem e com a nova conjuntura, Camilo passa a ser prioridade a partir do Ceará podendo implodir ainda a pré-candidatura do senador Tasso Jereissati a presidente atraindo o apoio do PSDB numa grande engenharia política inimaginável a dados de hoje.

LULA REFLETE

Como apontam os ases Azedo e Donizete, nada está consolidado mas Lula já reflete seus 75 anos de vida, não conduz a fixação de candidatura a qualquer preço e ainda leva em conta os tramites judiciais para sua condição definitiva de ex-presidente livre de processos.

É evidente que a turma petista de São Paulo não adere à proposta, entretanto, a partir de agora passa a ser possibilidade real diante de um personagem do PT com perfil de atrair unidade compatível na realidade atual por seu desempenho pessoal no Ceará.

Eis a novidade a mexer fortemente no tabuleiro político do País.

ÚLTIMA

“O olho que existe é o que vê…”

Leia outros artigos

Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.