menu

Esporte

12/11/2019


Brasileiro vencedor do Puskás defenderá Sporting no FIFA

Ele estreia pelo time português já em novembro, em campeonato organizado pela Federação Portuguesa de Futebol

Sporting é o primeiro clube de Wendell Lira nos eSports após aposentadoria do futebol — Foto: Divulgação / Sporting

Globo Esporte

Mais de três anos depois de se aposentar do futebol, Wendell Lira vai defender um novo clube, dessa vez nos eSports. O vencedor do Prêmio Puskás de gol mais bonito de 2015 é o mais novo contratado do Sporting, de Portugal, e vai representar o clube de Lisboa nos campeonatos de FIFA 20. Ele foi apresentado oficialmente nesta terça-feira, no Estádio José Alvalade.

 –  Desde pequeno, sempre tive o sonho de jogar na Europa. Infelizmente não consegui realizar esse sonho enquanto jogador de futebol. Por muito tempo, achei que nunca o iria concretizar. Tenho de agradecer a muitas pessoas. A minha história é diferente da de muitas pessoas. Quando estive no Estádio José Alvalade, olhei para o campo e pensei em tudo o que passei. Nunca desisti e estou vivendo um sonho – declarou o hoje youtuber de FIFA.

 Wendell Lira já tem data marcada para estrear com a camisa do Sporting no esporte eletrônico. Ele disputa o FPF XL Challenge, torneio organizado pela Federação Portuguesa de Futebol, entre os dias 15 e 17 de novembro, na Altice Arena, em Lisboa.

 O Brasil agora tem cinco jogadores que defendem clubes de futebol da Europa. Flávio “Fifilza” e Ébio “Ebinho” são os pro players do Wolverhampton, da Inglaterra; Victor “Tore” representa o Ajax, da Holanda; e Matheus Longaray foi recentemente anunciado pelo Club Brugge, da Bélgica. O carioca Rafael “Rafifa” foi o primeiro jogador brasileiro de FIFA a assinar com um clube europeu, quando acertou com o Paris Saint-Germain, em 2017, mas hoje veste a camisa da Netshoes. A âmbito nacional, o Cruzeiro conta com Josaci “Senna do Boné” e Guilherme “Guigonzc”.

 No FIFA 19, Wendell Lira não conseguiu se classificar para nenhum campeonato presencial da temporada oficial. Ele reconheceu o ano abaixo da expectativa e alegou que foi o FIFA ao que menos se adaptou. Ao contrário das versões anteriores do game, o youtuber se destacou mais pelas críticas feitas ao jogo do que pelo desempenho no competitivo. Para o FIFA 20, o ex-jogador de futebol projeta um ano de retomada e espera estar entre os classificados para a FIFA eWorld Cup 2020, a próxima edição do Mundial do game da EA Sports.