Futebol

Botafogo-PB vence o Serra Branca em Campina Grande e se garante na final do Campeonato Paraibano

O Alvinegro da Estrela Vermelha venceu o Carcará do Cariri por 2 a 1, e, além da vaga na decisão do certame estadual,  garantiu o direito de disputar a Copa do Brasil em 2025.


02/04/2024

Portal WSCOM



O Botafogo-PB protagonizou uma partida emocionante no Estádio Amigão, em Campina Grande, na tarde desta terça-feira (2), contra o Serra Branca, em duelo que definiu o Belo como o primeiro finalista do Campeonato Paraibano 2024. O Alvinegro da Estrela Vermelha venceu o Carcará do Cariri por 2 a 1, e, além da vaga na decisão do certame estadual,  garantiu o direito de disputar a Copa do Brasil em 2025.

Agora, o Botafogo aguarda o adversário na final, que será definido no confronto entre Treze e Sousa, na noite desta semana quarta-feira (3), em jogo também no Amigão. Na partida de ida, o Dinossauro levou a melhor vencendo o jogo por 2 a 1. Uma vitória simples do Galo leva o jogo para os pênaltis, enquanto o time sertanejo tem a vantagem do empate.

O primeiro duelo da decisão do Campeonato Paraibano Unipê 2024 será no próximo sábado (6), às 16h30.

O jogo

Precisando da vitória para se classificar, o Botafogo iniciou o jogo com tudo e, logo aos cinco minutos, abriu o placar. Gustavo Poffo cruzou da direta na cabeça de Pipico, que testou para o fundo das redes.

Dois minutos depois, Poffo tabelou com Warley Jr e o meia finalizou no cantinho, para grande defesa de Rafael Mariano, que mandou para escanteio. Aos 16, Warley Jr. teve outra boa chance em cobrança de falta, mas chutou para fora.

O Bota seguiu comandando a partida e chegou novamente com perigo aos 44 minutos. Pipico tentou o ângulo esquerdo, mas a bola subiu demais e saiu pela linha de fundo.

No início da segunda etapa, aos cinco minutos, o Botafogo sofreu o empate com gol marcado pelo centroavante Marcelo Toscano. O lance ainda teve checagem do árbitro de vídeo, mas o tento foi confirmado.

Após o gol, o Botafogo não sentiu o golpe e foi em busca de retomar a vantagem no placar. Aos 21 minutos, em cobrança de escanteio de Júlio Rusch, Thallyson testou com perigo, mas a bola foi para fora. Aos 37, Pipico teve um grande chance, mas chutou fraco, nas males do goleiro do Carcará.

De tanto insistir, finalmente a bola entrou e com o dedo do técnico Moacir Júnior, com dois atletas que entraram no decorrer da segunda etapa. Gabriel Lima cruzou com perfeição para Bruno Leite que, de cabeça, marcou o gol da vitória do Belo aos 39 minutos da segunda etapa.

Ficha do jogo: Serra Branca 1 x 2 Botafogo

Gols: Pipico (Botafogo), Marcelo Toscano (Serra Branca) e Bruno Leite (Botafogo).

Serra Branca: Rafael Mariano, Jefferson Feijão, Geovani, Kelvin e Filipe Ramon (Janderson); Lucas Gonçalves, Magno e Anderson Paraíba (Téssio); Uelber (Leilson), Thiaguinho (Emerson) e Marcelo Toscano (Rogério Sena).

Botafogo: Dalton, Lenon, Reniê, Wendel Lomar e Bruno Cardoso; Rodrigo, Lucas Siqueira (Júlio Rusch), Thallyson (Gabriel Lima) e Warley Jr. (Bruno Leite); Gustavo Poffo (Jean Silva) e Pipico (Sousa Tibiri).

Cartões amarelos: Felipe Ramon (Serra Branca), Magno (Serra Branca), Bruno Cardoso (Botafogo), Giovane (Serra Branca) e Gabriel Lima (Botafogo).

 

 



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //