Política

Bolsonaro se encontra com políticos e influencers após liberação de vídeo

23/05/2020


Da dir. para esq.: Teff Ferrari, Debora Herthal, Allan Frutuozo, Bia Kicis (deputada), Mauro Fagundes, Valeria Bernardo, Jair Bolsonaro, Bárbara Destefani, Paula Marisa e Carla Zambelli (deputada)

Poder360

O presidente Jair Bolsonaro tomou café da manhã neste sábado (23.mai.2020) com 1 grupo de influenciadores digitais e deputadas. O encontro foi realizado 1 dia depois de o Supremo Tribunal Federal liberar vídeo da reunião ministerial de 22.abril.2020, 1 dos elementos para a demissão de Sergio Moro do Ministério da Justiça.

Na tarde de 6ª feira, o vídeo repercutiu negativamente na mídia e entre os opositores do presidente.

Mas logo após a gravação ter sido divulgada, Bolsonaro deu entrevistas explicando que a reunião não tinha nada que comprovasse uma interferência na Polícia Federal. No Twitter, bolsonaristas subiram a tag #BolsonaroReeleito, em apoio ao presidente. A hashtag foi a mais difundida na rede nas últimas 12 horas.

Mais cedo, 7 influencers, como são chamadas as pessoas com grande capilaridade de seguidores, estivem com Bolsonaro no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República, em Brasília. Apenas no YouTube, eles possuem mais de 1,3 milhão de seguidores.

Também estiveram presentes as deputadas federais Carla Zambelli (PSL-SP) e Bia Kicis (PSL-DF).O encontro não estava previsto na agenda oficial do presidente. Eis abaixo uma foto publicada após o café:

Pesquisa da agência Informe Comunicação/V-TRacker, divulgado pelo Poder360, mostrou que os perfis influentes de apoiadores de Bolsonaro produzem conteúdos em defesa do presidente e com tom de ataque a adversários. Isso acaba formando uma bolha da rede.

Segundo o estudo, a formação de uma bolha é positiva em termos estratégicos, pois mantém a base de seguidores de Bolsonaro alimentada de informações e publicações, com vistas à manutenção de discursos e narrativas.

Ao final do encontro, as deputadas bolsonaristas não pararam para falar com a imprensa. Kicis disse à apoiadores que neste domingo (24.mai) haverá novamente manifestações pró-Bolsonaro na capital.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.