Paraíba

Ariano Suassuna elogia “Caravana da Seca” da ALPB


11/01/2013

O escritor Ariano Suassuna elogiou, nesta quinta-feira (10), a iniciativa da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) de realizar a “Caravana da Seca – A Paraíba em Defesa do Semiárido”, que entre os dias 4 e 7 de dezembro de 2012 visitou mais de 50 municípios que enfrentam a estiagem. O objetivo é cobrar soluções urgentes das autoridades para o problema que historicamente se repete. “Acho muito bom, muito importante esta iniciativa, porque entendo que a gente tem a obrigação, que deve ser permanente, de procurar ações estruturantes para a região Nordeste”, disse.

As declarações de Ariano foram feitas durante reunião com o deputado Francisco de Assis Quintans (Democratas), presidente da Frente Parlamentar da Seca da ALPB, na Estação Cabo Branco, onde o escritor ministrou aula espetáculo sobre o livro “Eu”, de Augusto dos Anjos.

No encontro, Quintans convidou Ariano Suassuna para participar, na próxima terça-feira (15), do lançamento da Campanha ‘SOS Seca Paraíba’, com o objetivo de mobilizar a sociedade para reivindicar ações emergenciais e estruturantes, com propósito de minimizar os efeitos provocados pelas mudanças climáticas no Semiárido nordestino. O deputado também entregou ao escritor um vídeo documentário e o relatório, que foram elaborados com as deliberações da Caravana e serão entregues aos governos Federal e Estadual.

O lançamento da Campanha acontecerá no Salão Parahyba, do Hotel Tambaú, em João Pessoa (PB), a partir das 9h. Devido a sua agenda agitada como secretário de Assessoria do Governo do Estado de Pernambuco, o escritor não confirmou presença, mas assegurou que vai tentar viabilizar com os seus auxiliares a sua participação no evento, que considera de extrema relevância para o Nordeste.

“A seca não se acabar nunca, a gente tem que se preparar para ela. Entendo que criar no Brasil o departamento de obras contra a seca no Nordeste é o mesmo que criar um departamento de obras contra a neve na Sibéria. A gente tem que conviver com a seca e enfrentá-la, não pode ser uma coisa de três em três anos ou de 10 em 10 anos, por isso é muito bom que alguém, no caso a Assembleia Legislativa da Paraíba, tenha começado a enfrentá-la”, ressaltou.

‘SOS Seca Paraíba’ – A campanha é fruto da “Caravana da Seca”. Os senadores Cássio Cunha Lima (PSDB) e Vital do Rêgo (PMDB), além de 10 deputados da bancada federal paraibana já confirmaram presença no evento. Além disso, também participarão do evento os presidentes de Assembleias Legislativas e parlamentares de outros estados nordestinos.

O presidente da ALPB, deputado Ricardo Marcelo (PEN), destaca que o SOS Seca PB é um movimento suprapartidário e regional com o intuito de chamar a atenção dos governos Federal e Estadual para a efetivação de ações duradoras e permanentes, capazes de promover a convivência dos agricultores, agropecuaristas e produtores rurais com a seca no Semiárido. “A ideia é unir todas as autoridades, Assembleias Legislativas, Câmaras Municipais, entidades de classe, órgãos de pesquisa e segmentos religiosos dos nove estados que compõem a região Nordeste em torno desta discussão e apresentar mecanismos capazes de manter o homem no campo, com atividades produtivas, evitando assim a desertificação do Semiárido”, afirmou.

Pleitos – Na oportunidade, também será divulgada a “Carta da Paraíba”, documento oficial da “Caravana da Seca”, com as deliberações da incursão, que passou por mais de 50 municípios e percorreu mais de dois mil quilômetros. “Nessas localidades, foram realizadas audiências públicas, onde as autoridades civis e eclesiásticas representativas, e a população em geral puderam apresentar sugestões, propostas e pleitos. Em todas as audiências públicas, foram apresentadas sugestões relativas à conclusão das obras de Transposição das Águas do Rio São Francisco, que representa para todos os paraibanos, senão a solução da seca, a única forma de amenizar os seus efeitos, suprindo a falta de água para beber e para plantar”, comentou Ricardo Marcelo.

O documento foi elaborado de forma conjunta, com a participação de diversas entidades, a exemplo de Prefeituras, Câmaras Municipais, segmentos religiosos, Associação Paraibana de Imprensa (API), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Embrapa, Insa (Instituto Nacional do Semiárido) e outras instituições. Ainda no lançamento da Campanha será iniciado um abaixo-assinado, para reforçar, com assinaturas de toda a região, as deliberações do relatório da Caravana junto às autoridades.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
// //