Paraíba

Após hospital de Campina Grande chegar a 100% de UTIs ocupadas, diretor diz que pico ainda não foi atingido: “É preocupante”


03/03/2021

Da Redação / Portal WSCOM



O diretor técnico do Hospital de Clinicas de Campina Grande, Johnny Bezerra, comentou nesta manhã a situação da unidade, que chegou ontem a 100% das UTIs ocupadas com pacientes acometidos da Covid-19. Campina Grande teve um aumento de 44% nos casos da doença na última semana.

“Campina grande vive um aumento no número de casos de 44% e o Hospital de Clinicas começa a sentir essa demanda, não só de Campina, mas todo o Estado, pois o hospital é referência para toda 2ª macrorregião. Ampliamos os leitos de UTI de 30 para 40 leitos e nossa ocupação hoje é já é de 42, com dois leitos extras”, disse.

Bezerra disse que o caso ‘é preocupante’ e ainda pode piorar. Isso porque o Estado irá chegar ao reflexo do carnaval na pandemia.

“É preocupante essa situação e o reflexo das aglomerações de carnaval vão surgir do dia 10 a 12 de março, será o pico dessa ocupação”, disse.

Diante deste agravamento, Campina Grande terá ampliação nos leitos de Covid. Serão mais 20 leitos disponibilizados. 74 profissionais já foram convocados e assumem no Hospital hoje e amanhã. Até dia 8 de março, serão totalizado 113 leitos em campina.



Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você