Política

Anísio propõe consórcio para gerir políticas integradas de turismo na região metropolitana de João Pessoa

Consórcio visa fomentar propostas para o turismo na região

01/10/2020


Na imagem o candidato Anísio Maia durante a apresentação da proposta do Consórcio Metropolitano

Portal WSCOM

A criação de um consórcio metropolitano para discutir e gerir políticas públicas para o turismo de forma integrada entre João Pessoa e as cidades que compõe a região é uma das propostas apresentadas pelo candidato a prefeito Anísio Maia (PT) para o segmento. As políticas isoladas, na opinião de Anísio Maia, não fazem sentido porque o turista transita entre várias cidades sem aproveitar todo o potencial que a região tem a oferecer.
A proposta foi apresentada na noite dessa quarta-feira (30), no Ciclo de Debates com o trade turístico de João Pessoa, realizado no Hardman Hotel, no bairro de Manaíra. No encontro, Anísio assinou um termo de compromisso com 10 propostas que o trade turístico elaborou e tem colocado para os candidatos a prefeito da capital.

Anísio explicou que a ideia do consórcio é para fortalecer a movimentação dos turistas na cidade e nas demais cidades que integram a região metropolitana, a exemplo as do litoral Norte e Sul. As políticas para o turismo têm sido feitas de maneira isolada para um turista que percorre vários atrativos para além da capital.

No Ciclo de debates, Anísio apresentou propostas estruturantes para o turismo como o que prevê o conceito para elaboração de políticas para o turismo sustentável; a criação de infraestrutura para os guias de turismo; a melhoria de infraestrutura para áreas estratégicas visitadas pelos turistas; a construção de um centro de cultura nordestina; a recuperação de áreas naturais que estejam em áreas de atrativos turísticos.

Entre as propostas, Anísio Maia destacou a marca a ser construída para as próximas décadas na cidade de turismo sustentável. Para isso, todas as pastas governamentais estariam ligadas ao conceito para que o turismo sustentável seja uma consequência de uma cidade sustentável. “Poucas ações realizadas atualmente dizem respeito à sustentabilidade porque poucas são sustentáveis de verdade. Nossa ideia dialoga com os outros projetos como o de saúde, de infraestrutura, que vão ter os mesmos princípios e pilares”, frisou. Percival Henriques completou que “o principal eixo que Anísio falou é o da sustentabilidade, preservação do pequeno e médio negócio porque o poder púbico terá a coordenação”, completou.

O Ciclo foi composto por rodada de perguntas dos vários segmentos da rede hoteleira, de bares e restaurantes, guias de turismo, agências de viagens e operadores de transporte turístico. Anísio Maia destacou que esse tipo de debate é importante para oxigenar as ideias e propostas de governo. “Nós não temos um programa acabado. Tem alguns candidatos que partem do princípio que tem que entregar à cidade um pacote pronto onde eles são os sabedores de tudo. A nossa ideia é a de estabelecer o diálogo como força para o melhor programa turístico construído com todos que fazem parte da atividade turística na cidade”, disse.


Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.