Futebol

América visita o Corinthians e pode deixar o Z4 da Série A

Em noite que pode marcar a reestreia do astro Willian pelo Timão, Coelho quer 'estragar a festa' na Neo Química Arena e seguir embalado na luta contra a queda


19/09/2021

América treinou no CT do Palmeiras na véspera do confronto com o Timão em São Paulo (Foto: Luiz Martini / América)

Correio Braziliense

Neste domingo (19), às 18h15, o América entra em campo com um objetivo claro: deixar o Z4 da Série A do Campeonato Brasileiro. Na Neo Química Arena, em São Paulo, o Coelho visita o Corinthians e busca sua terceira vitória seguida para engrenar de vez na luta contra o descenso.

Ainda que siga na zona de rebaixamento, dentro de campo o time de Vagner Mancini vem em evolução. Das últimas sete partidas, o Coelho venceu três (contra Fluminense, Ceará e Athletico Paranaense), empatou três (contra Grêmio, Atlético-GO e Chapecoense) e perdeu apenas uma (diante do RB Bragantino).
O América é o 17° colocado do Brasileirão, com 21 pontos em 19 jogos – cinco vitórias, seis empates e oito derrotas. Se vencer, o time de Mancini pode deixar o Z4 e alcançar até mesmo a 12ª posição.
As equipes mais próximas do Coelho na tabela, neste momento, são: São Paulo (16°, com 22 pontos), Bahia (15°, com 22), Juventude (14°, com 23), Santos (13°, com 23) e Ceará (12°, com 24).
Momento do rival
O Corinthians vive boa fase. Invicto há seis jogos, o time paulista concentra todas as suas energias na disputa do Campeonato Brasileiro e tem investido pesado na montagem de uma equipe muito competitiva.
Nos últimos meses, o Timão concretizou as contratações de quatro grandes nomes: os meias Renato Augusto e Giuliano, além dos atacantes Roger Guedes e Willian.
Neste período sem derrotas, o time de Sylvinho empatou com Santos (0 a 0), Juventude (1 a 1) e Atlético-GO (1 a 1), e venceu Ceará (3 a 1), Athletico-PR (1 a 0) e Grêmio (1 a 0). Neste momento, o Coringão é o 6° colocado do Brasileirão, com 29 pontos – a quatro de distância do Fortaleza, primeiro clube no G4.
A equipe paulista ainda deve contar com uma nova arma diante do América: há grandes chances de que Willian, ex-Arsenal, faça sua reestreia com a camisa do Timão. O atacante, ex-Seleção Brasileira, é esperança de gols e belas jogadas para a torcida do Corinthians.

Inspiração recente

Antes do confronto pela 21ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, o torcedor americano se apega a uma lembrança positiva recente: o duelo pela Copa do Brasil de 2020. Na ocasião, com gol de Marcelo Toscano no fim da partida, o Coelho abriu caminho para uma classificação histórica.
Curiosamente, na oportunidade, Vagner Mancini, atual técnico do clube mineiro, ainda comandava o Corinthians. Por sua vez, o Coelho era comandado por Lisca.
O decorrer do confronto revelou um cenário de muito equilíbrio. Com a consistência defensiva que caracterizou o time de Lisca, o Coelho abriu mão da posse de bola e tinha os contra-ataques como estratégia clara para ameaçar a baliza dos paulistas.
No intervalo, Lisca promoveu as entradas de Geovane e Léo Passos nas vagas de Alê e Rodolfo, respectivamente. Mas as substituições decisivas ainda estavam por vir. Diante de um jogo truncado e tenso na reta final, aos 42min, o treinador convocou Neto Berola e Marcelo Toscano nos lugares de Felipe Azevedo e Ademir, nesta ordem.
Dois minutos depois, o resultado. Em bela jogada pela direita, Berola se desvencilhou de dois marcadores e deu cruzamento na medida. Na área como elemento surpresa, de carrinho, Marcelo Toscano anotou gol marcado na história do América.
O tento selou o resultado final da partida. Na volta, após empate em 1 a 1 no Independência, em Belo Horizonte, o Coelho selou classificação às quartas de final do torneio. A equipe comandada por Lisca ainda ampliaria esta história ao eliminar os gaúchos, mas viu o sonho do título ser finalizado diante do Palmeiras, nas semifinais.
As ótimas lembranças da última visita à Neo Química Arena são esperanças para uma nova noite inspirada em São Paulo. Com boa parte do time titular daquele 28 de outubro de 2020 ainda no elenco, o América espera contar com a experiência de seus ‘veteranos’ para sair com mais uma vitória da capital paulista.

Baixas e dúvida

O América tem duas baixas para o confronto. O lateral-direito Eduardo segue em recuperação após cirurgia por lesão na tíbia. Por sua vez, o atacante Felipe Azevedo, autor de um dos gols do Coelho na vitória por 2 a 0 sobre o Athletico Paranaense, recebeu o terceiro cartão amarelo no duelo e cumprirá suspensão automática.
A principal dúvida na escalação é justamente sobre quem será o substituto de Felipe Azevedo. Os estrangeiros Berrío e Zárate aparecem como opções mais prováveis, mas nomes como Rodolfo e Marcelo Toscano também podem ser acionados.
Corinthians
Vágner Mancini, com Cássio; Fágner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Gabriel, Giuliano, Renato Augusto (Gustavo Silva) e Willian; Roger Guedes e Jô.
Técnico: Sylvinho
América
Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva e Marlon; Lucas Kal e Juninho; Fabrício Daniel, Ademir, Berrío (Zárate) e Ribamar.
Técnico: Vagner Mancini
 
Motivo: 21ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Data e horário: domingo, 19 de setembro de 2021, às 18h15
Local: Neo Química Arena, em São Paulo
Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Junior (DF)
VAR: Wagner Reway (PB)
Transmissão: Premiere


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.